conecte-se conosco

Esportes

Árbitros do litoral atuarão nas maiores competições de futsal do país na temporada 2022

José Miguel Pereira, Maria Fernanda Petrelli e Rafael Francisco Borge integrarão o quadro da CBF, nas Ligas Nacionais Feminina e Masculina de Futsal

Publicado

em

Fotos: arquivos dos árbitros

Três oficiais de arbitragem de futsal do litoral atuarão nas duas maiores competições de futsal do país durante a temporada de 2022.

Trata-se de José Miguel Pereira, Maria Fernanda Petrelli e Rafael Francisco Borge, que contam com mais de 15 anos de arbitragem no currículo, foram convidados para integrar o quadro de arbitragem durante as Ligas Nacionais de Futsal Masculina e Feminina, pelo know-how dos mesmos no futsal tanto dentro do estado do Paraná quanto no Brasil.

Dentre as 22 equipes da Liga Nacional Masculina, sete são do Paraná e já na Liga Nacional Feminina, das 12, quatro representarão o Paraná.

As competições que terão início ainda no mês de março, reunirão fortes times como Cascavel, Marreco, Pato, Foz Cataratas, Umuarama, Campo Mourão e Marechal na Liga Masculina e Cianorte, Londrina, Stein de Cascavel e ADTB de Telêmaco Borba na Liga Feminina.

O oficial José Miguel ressaltou que o litoral sempre foi um celeiro de bons oficiais e parabenizou os precursores Carlos Elisio, Luis Assunção, Silvio Renato, Luiz Cláudio, além de outros que deram início e deixaram seu legado na profissão. “Hoje me sinto muito feliz e honrado em poder fazer parte de uma das maiores competições do país. São muitos anos de atuação, sempre com muita dedicação e responsabilidade e esse reconhecimento é muito valioso para todos nós. Com certeza representaremos o litoral do Estado com muito amor e respeito”, disse José Miguel.

Maria Fernanda também destacou sua satisfação em poder fazer parte deste momento. “É muito gratificante poder fazer parte de uma competição tão respeitada e que é referência dentro do cenário esportivo”, disse Fernanda.

Rafael Borge, que atuou em diversas edições da LNF, destacou sua felicidade nessa nova fase na CBF. “Estou muito empolgado. Retornar à maior competição de futsal do mundo, me deixa muito feliz. Estaremos em casa, fazendo o que mais amamos e representando o litoral do Estado, isso não tem preço”, finalizou Borge.

Com informações de José Miguel