conecte-se conosco

Educação

XV Fórum de Pesquisa do Isulpar acontece em outubro

Diretor de Graduação do Isulpar, professor Ivan Maciel, e a coordenadora geral pedagógica do Isulpar, professora Lucia Helena, destacam as novidades do evento deste ano.

Publicado

em

Com o objetivo de proporcionar um momento de integração da comunidade acadêmica, a fim de discutir as questões pertinentes à formação do profissional em nível superior nas mais diversas áreas, visando à disseminação do conhecimento e à reflexão para a ação consciente do papel da instituição de Ensino Superior, o Instituto Superior do Litoral do Paraná (Isulpar) realiza, nos dias 29 e 30 de outubro, a 15.ª edição do Fórum de Pesquisas do Isulpar.

A coordenadora geral pedagógica do Isulpar, professora Lucia Helena Freitas da Rocha, destaca que na edição de 2020, o evento será totalmente on-line. “Este ano, por causa desse nosso isolamento social, estaremos fazendo a 1.ª edição do fórum totalmente on-line. Acontecerá na plataforma Google Meet, em que poderemos atingir em cada uma das apresentações cerca de 250 pessoas. A nossa expectativa é muito grande, por que hoje você tem que ficar em casa e acredito que esta é uma forma muito salutar de aproveitar esse tempo e se dedicar aos estudos, a uma palestra e a um fórum acadêmico. Nós estamos muito empenhados para que os nossos alunos mostrem o seu potencial de pesquisa, pois todos eles têm uma formação bastante profunda nesse sentido de investigação científica”, destaca a coordenadora, enfatizando que o evento é aberto para toda a comunidade acadêmica do litoral.

O período para inscrição dos trabalhos será de 1.º a 15 de outubro.

Evento

Durante os dois dias de evento, os acadêmicos terão a oportunidade de apresentar seus trabalhos científicos e, assim, fortalecer o diálogo entre a ciência e a sociedade.

O diretor de Graduação do Isulpar, professor Ivan de Medeiros Petry Maciel, enfatiza que nesta edição, como forma de incentivo aos participantes, haverá premiação em dinheiro. “Nós queremos convidar todos os nossos acadêmicos do Isulpar, seja da graduação ou da pós-graduação para que apresentem seus trabalhos de pesquisa ou seus artigos científicos, por que isso é uma demonstração do aprofundamento da vida acadêmica. É uma qualidade que o acadêmico possui e deve ser destacada em função dessas atividades e do fórum. Eu quero aproveitar a oportunidade para não só convidar os nossos acadêmicos, mas toda comunidade acadêmica de Paranaguá, todas as instituições públicas e privadas para que participem desse evento e incentivem seus alunos a apresentarem seus trabalhos”, destaca o diretor, enfatizando que o evento é gratuito. “Para estimular a participação de mais pessoas e tornar o evento mais vibrante, estamos inclusive ofertando uma premiação aos participantes do fórum. Teremos dois grupos, um com vínculo com a instituição, que são nossos alunos, e os sem vínculos. Além do que, esses que serão pré-qualificação a concorrer à premiação também poderão receber, seja interno ou externo, bolsas de 50% que o Isulpar vai oferecer nos cursos de pós-graduação”, explica.

Grupos de premiação

– Acadêmicos de graduação e pós-graduação do Isulpar

1.º lugar – R$ 1.500,00

2.º lugar – R$ 1.000,00

3.º lugar – R$ 500,00

– Acadêmicos sem vínculo

1.º lugar – R$ 1000,00

2.º lugar – R$ 500,00

3.º lugar – R$ 300,00

Todos os inscritos no evento receberam um certificado de participação, inclusive destacando as horas atividades. “Por exemplo, quem apresentar trabalho terá 50 horas atividades, porque ele vai construir o seu artigo, vai elaborá-lo, e isso demanda tempo, trabalho, pesquisa. É uma valorização para aqueles que produzem cientificamente. Os que vão assistir às apresentações de forma on-line serão agraciados com 20 horas pela participação, desde que assistam pelo menos a três apresentações por dia de evento”, explica Maciel.

A instituição também está convidando universidades de língua portuguesa a participarem do evento. “Estamos enviando convites para universidades de Portugal, Moçambique e Angola. Achei conveniente convidar essas instituições destes países, pois o fato de ser de língua portuguesa é um facilitador, mas nada impede que talvez uma instituição latino-americana possa também participar, pois todos falam um pouquinho de portunhol e dá para se comunicar perfeitamente com eles”, destaca o diretor.

As inscrições serão realizadas de forma on-line no site do Isulpar (em www.isulpar.edu.br/forum), com as instruções de preenchimento do formulário.

Continuar lendo
Publicidade