conecte-se conosco

Direito & Justiça

Ciclo de Debates “Democracia e Eleições” será realizado nesta semana

Evento acontecerá no Unicuritiba entre a quarta-feira, 6, e a sexta-feira, 8

Publicado

em

Foto: Divulgação/Unicuritiba

Entre a quarta-feira, 6, e a sexta-feira, 8, o Centro Universitário Unicuritiba realizará o Ciclo de Debates “Democracia e Eleições” que abordará regras eleitorais e a importância do processo democrático e do voto, algo que ocorrerá no campus Milton Vianna Filho, em Curitiba. O evento será realizado pela Unicurtiba em em parceria com o Instituto Mais Cidadania e o Diretório Acadêmico Clotário Portugal (DACP) e contará com a presença do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, na abertura às 19h da quarta-feira, 6.

Segundo o advogado Roosevelt Arraes, professor de Direito Eleitoral do Unicuritiba, mestre e doutor em filosofia jurídica e política pela PUC/PR e presidente do Instituto Mais Cidadania, a realização do evento é importante, ainda mais em um ano de eleição. “Num ano eleitoral, é natural que as pessoas procurem se informar sobre as regras do jogo eleitoral. E é exatamente isso que será debatido. O evento promoverá uma ampla apresentação e discussão sobre os temas que envolvem a democracia, as eleições e o direito eleitoral. Essa é uma oportunidade ímpar para obter informações de qualidade e troca de experiências, especialmente para quem se preocupa com o futuro do País”, destaca.

“O evento promoverá uma ampla apresentação e discussão sobre os temas que envolvem a democracias, as eleições e o direito eleitoral”, afirma o advogado Roosevelt Arraes, presidente do Instituto Mais Cidadania (Foto: Divulgação)

Arraes afirma que a discussão é essencial, com diálogo entre ideias diferentes, algo que faz parte da democracia e do crescimento pessoal e coletivo da sociedade. “Apesar dessa vantagem que toda discussão gera, as pessoas não estão acostumadas a serem questionadas, a serem contrariadas, especialmente, quanto a sua forma de pensar. Então, o grande desafio democrático é criar condições e estimular as pessoas a entender que é através de eleições justas que podemos mudar o pais para melhor. Mas, isso pressupõe o debate e as divergências que ele gera. Então, uma eleição justa exige um mínimo de decência e educação tanto por parte daqueles que a disputa, quanto da parte dos eleitores e apoiadores”, completa.

“Sem essa civilidade mínima, o que se tem é gritaria e falta de respeito. Acredito que o evento pretende dar um passo nesse sentido, de contribuir para educar as pessoas não só para entender as regras jurídicas das eleições, para entender esse sentido maior das eleições numa democracia”, aponta o advogado. Roosevelt participará de uma das mesas de debate no evento abordando o tema “Federações Partidárias”.

Coordenador científico

“Os tempos atuais exigem que encontremos meios educacionais e institucionais que preencham a distância existente entre a sociedade e a política”, ressalta o advogado Luiz Gustavo de Andrade, coordenador científico do Ciclo de Debates (Foto: Divulgação

O advogado Luiz Gustavo de Andrade, que é mestre em Direito e professor da graduação e pós-graduação do Unicuritiba, sendo membro de diversas comissões da OAB-PR, bem como da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Política (ABRADEP), do Instituto Paranaense de Direito Eleitoral (IPRADE), sendo Editor Executivo da Revista Paraná Eleitoral do TRE-PR e membro fundador do Instituto Mais Cidadania, ressaltando a necessidade de que a sociedade compreenda a importância das eleições e da democracia. “Os tempos atuais exigem que encontremos meios educacionais e institucionais que preencham a distância existente entre a sociedade e a política”, acrescenta. 

“A ideia de eventos como este é despertar o interesse dos cidadãos pela participação no processo de escolha de nossos mandatários e, consequentemente, de tomada de decisões, contribuindo para que compreendam melhor como funciona uma eleição. Dessa forma, teremos eleitores mais esclarecidos, imunes a ‘fake news’ e, por consequência, uma melhor qualidade na formulação, implementação e efetivação de políticas públicas”, ressalta Luiz Gustavo.

Diretório Acadêmico

“É um evento idealizado por alunos e professores, para alunos, buscando um modelo alternativo às tradicionais palestras, com temas que vão desde Reforma Política até a influência das redes sociais no espaço decisório da soberania nacional”, afirma a secretária do DACP, Ana Vitoria Torres Grosços (Foto: Divulgação)

Ana Vitoria Torres Grosços, estudante de Direito do Unicuritiba e secretária da Cultura do Diretório Acadêmico Clotário Portugal (DACP), será mediadora do painel “Democracia e Reforma Política” no Ciclo de Debates. Ela destaca o evento como algo extremamente pertinente em 2022, com a proximidade das eleições. “Se faz necessário instigar o senso crítico daqueles que participarão do processo de decisão dos nossos próximos líderes, e dentro da universidade, nosso foco principal são os alunos. É um evento idealizado por alunos e professores, para alunos, buscando um modelo alternativo às tradicionais palestras, com temas que vão desde Reforma Política até a influência das redes sociais no espaço decisório da soberania nacional. É uma oportunidade de extrair o conhecimento da fonte, de grandes nomes, referências nos assuntos para os quais foram convidados para debater, para que seja possível que os espectadores formem a opinião própria com informação de qualidade”, destaca.

“A roda de debate vêm, justamente, para substituir a monotonia da palestra, do tradicional modelo de um convidado deliberando por tempo determinado aquilo que mais domina. O diálogo proposto no evento, por sua vez, tem como objetivo intensificar a troca de ideias e de opiniões, bem como a interdisciplinaridade entre os assuntos – contaremos, inclusive, com um matemático e uma designer na composição das mesas”, explica Ana Vitoria. Segundo a mediadora, a exposição de ideias em um período eleitoral é algo muito válido, “uma vez que, no contexto bipolarizado que estamos vivendo, todos tem espaço para expor o conhecimento, ao mesmo tempo em que tem oportunidade de deliberarem sobre o assunto com os demais, construindo o pensamento democrático”, completa.

Inscrições

Segundo o Unicuritiba, as inscrições para o Ciclo de Debates já estão abertas e são gratuitas. Para isso basta acessar o link https://www.sympla.com.br/evento/ciclo-de-debates-democracia-e-eleicoes/1522752?fbclid=IwAR14OBes_qC0H2UgDya7VbBuTwHTIxdfdVnH2USiu04mrDStHsanVWMNrgI .

Confira a programação: