conecte-se conosco

Coronavírus

Paraná registra aumento na taxa de transmissão (Rt) do novo Coronavírus no início de junho

Os números mostram que atualmente, 100 infectados pelo vírus da Covid-19 contaminam, em média, 112 novas pessoas

Publicado

em

Foto: Ilustração/Pixabay

A taxa de transmissão (Rt) do novo Coronavírus no Paraná segue em alta desde o início do mês de junho, mantendo o número de casos confirmados da doença acima do limite indicado pela Secretaria de Saúde.

Na tarde de quinta-feira, 9, o índice de contágio estava em 1,12 no Estado. O pico da pandemia em 2022 foi registrado em 13 de janeiro, quando a taxa atingiu 1,97, indicando que a contaminação estava acelerada no Paraná. Deste dia em diante, o índice foi diminuindo e a curva decrescendo.

A última atualização do informe epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), que calcula o Rt médio do Paraná com base em um acompanhamento diário de pessoas infectadas pelo vírus, registrou taxa de reprodução do vírus abaixo de 1,12. “O documento tem como objetivo estimar o nível de contágio pelo vírus em um território durante a pandemia. A contaminação está acelerada se a taxa está acima de 1, estável se é igual a 1 ou em queda se está menor que 1 – o único caso em que a situação epidêmica demonstra melhora. Quanto mais próximo de zero, menores as chances de contágio”, informou a Sesa.

O número significa que, atualmente, 100 infectados pelo vírus da Covid-19 contaminam, em média, 112 novas pessoas.

A recomendação das autoridades de saúde do Paraná é de manter a precaução e continuar seguindo protocolos de segurança e distanciamento social, sempre que possível.

No Brasil, o índice de contágio na quinta-feira, 9, estava em 1,14, o que significa que, atualmente, 100 infectados pelo vírus da Covid-19 contaminam, em média, 114 novas pessoas.

Com informações da Sesa