Connect with us

Ciência e Saúde

Jovens de 20 a 34 anos concentram o maior número de casos de HIV em Paranaguá

Dados da última década indicam 388 infectados nessa faixa etária

Publicado

em

Jovens de 20 a 34 anos concentram o maior número de casos de HIV em Paranaguá

Há cerca de oito anos, Paranaguá ocupava um dos primeiros lugares no Brasil em números de casos de HIV. Hoje, está na 33.ª colocação no ranking nacional e segue com um trabalho voltado à prevenção e diagnóstico precoce. A faixa etária com o maior índice de infectados no município, na última década, é a de jovens entre 20 e 34 anos. Durante este mês, as ações de prevenção e orientação se intensificam devido à campanha Dezembro Vermelho.

De acordo com a psicóloga do Programa Municipal de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST)/HIV-Aids, Cláudia Michelon, nos últimos 10 anos, Paranaguá não teve casos de HIV em crianças menores de um ano. De 10 a 14 anos foi registrado um caso confirmado e de 15 a 19 anos foram 27 confirmações.

A maior concentração de casos está presente na faixa entre 20 e 34 anos, que na última década foram 388 casos no total. A faixa de 35 a 49 anos também teve um número expressivo, de 366 casos. Entre as pessoas de 50 a 64 anos, foram 180 positivos e, de 65 a 79 anos, 25 confirmados entre 2010 e 2020.

Entre as confirmações, a maioria é do sexo masculino. “Nos últimos 10 anos foram 575 casos confirmados do sexo masculino e 412 do feminino. É uma proporção de 65% homens e 35% mulheres, aproximadamente. No momento, cerca de 1.970 pacientes realizam o tratamento conosco, ou seja, aderiram ao tratamento corretamente”, explicou Cláudia.

Testagem rápida

Segundo a psicóloga, qualquer pessoa pode procurar o Centro Municipal de Diagnóstico (CTA), localizado no Centro de Diagnóstico João Paulo II, ou as unidades de saúde para realizar o teste. Para isso, basta levar um documento de identificação com foto. No CTA, as testagens são realizadas todas as segundas e terças-feiras, durante todo o dia.

“Devemos sempre nos prevenir. Não precisa de encaminhamento para fazer o exame. Fazemos os exames de HIV, Sífilis, Hepatite B e Hepatite C e o resultado fica pronto em 20 minutos, é só um furinho no dedo”, salientou Cláudia.

O objetivo, segundo a profisisonal, é fazer com que os pacientes cheguem com uma carga viral indetectável, ou seja, uma carga viral zero. “Hoje, temos a porcentagem de 70% de pacientes com carga viral zero, o que significa qualidade de vida e boa adesão ao tratamento”, acrescentou Cláudia. A psicóloga observa que, em função da pendemia de Covid, neste ano houve uma diminuição nos casos devido à baixa nas investigações.

Situação no Brasil

O Ministério da Saúde apresentou o Boletim Epidemiológico HIV/Aids 2020, que traz os dados de diagnósticos e infectados consolidados do ano de 2019 e um comparativo dos casos nos últimos anos no País.

Atualmente, cerca de 920 mil pessoas vivem com HIV no Brasil: 89% delas foram diagnosticadas, 77% fazem tratamento com antirretroviral e 94% das pessoas em tratamento não transmitem o HIV por via sexual, por terem atingido carga viral indetectável. Até outubro deste ano, cerca de 642 mil pessoas estavam em tratamento com antirretroviral, enquanto em 2018, eram 593.594 pessoas em tratamento.

O Ministério da Saúde estima que cerca de 10 mil casos de Aids foram evitados no País, no período de 2015 a 2019. Os jovens, de 25 a 39 anos, de ambos os sexos, com 492,8 mil registros, concentraram o maior número de casos. Nessa faixa etária, 52,4% são do sexo masculino.

Leia também: 316 crianças menores de cinco anos receberam a dose contra a Poliomielite

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.