Connect with us

Editorial

Doação de órgãos: manifeste seu desejo de salvar vidas

Somente no Paraná, 2 mil pessoas aguardam na fila de espera para receber um transplante e, assim, poder ter mais tempo de vida ao lado dos seus familiares.

Publicado

em

A doação de órgãos é um tema que tem sido bastante falado neste mês em função do Dia Nacional de Doação de Órgãos e Tecidos, celebrado dia 27 de setembro. O assunto, que pode ser delicado para muitas famílias, é necessário e urgente. Somente no Paraná, 2 mil pessoas aguardam na fila de espera para receber um transplante e, assim, poder ter mais tempo de vida ao lado dos seus familiares. A melhor maneira de se tornar doador é deixar claro para a família o seu desejo. Só a manifestação da vontade de salvar outras vidas já é suficiente.

Em Paranaguá, o tema tomou grande repercussão no último mês com o lançamento de uma campanha criada pelo Ministério Público do Paraná em parceria com a Prefeitura de Paranaguá. Intitulada “Doando que se Vive”, o assunto doação de órgãos tem sido levado para escolas da cidade, conscientizando, de forma lúdica, crianças que podem ser multiplicadoras deste conhecimento. Desta forma, podem impactar toda a comunidade ao seu redor, pais, avós, tios, vizinhos e também outras crianças.

A campanha convida a população para falar mais sobre o assunto e desmistificar muitos pensamentos errôneos que são impeditivos para a doação. Um deles é quanto à idade dos pacientes, pois não é somente crianças e jovens acometidos por morte encefálica considerados potenciais doadores. Para transplante de coração, por exemplo, a idade máxima é 50 anos, mas para fígado e rins não tem uma idade máxima. Para córneas, o limite de idade utilizado no Paraná é 70 anos.

Vale salientar que a doação não é benéfica apenas para quem recebe o órgão. Especialistas que atuam na área de abordagem nos hospitais relatam que as famílias dos doadores sentem um conforto após autorizarem a doação dos órgãos. O sentimento de empatia prevalece, mesmo nesses momentos difíceis, o que merece a reflexão do quanto é importante pensar que as famílias, mesmo em um momento de dor, conseguem se compadecer com a dor do próximo. Que esses casos de sucesso sirvam de exemplo a toda a sociedade.

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.