conecte-se conosco

Datas Comemorativas

Quando o amor supera distâncias

João Vitor e Helen namoram há 8 anos, mesmo separados por mais de 3 mil quilômetros

Publicado

em

João Vitor Martins Neves e Helen Tatiana vivem uma história de amor há 8 anos. Eles se conheceram em 2011 quando ele tinha 13 anos e ela 15, por meio de trocas de mensagens na única rede social que existia na época: o Orkut.

Ele mora em Paranaguá e ela em Belém do Pará. Apesar de estarem separados por 3.332 quilômetros, o casal mantém o namoro e o contato diário.

Eles amadureceram e trazem consigo uma linda história de amor, mostrando que o tempo serviu para fortalecer o sentimento que nasceu por meio da Internet. O primeiro contato surgiu através da comunidade Super Nintendo, no Orkut.

“Vivíamos trocando mensagens pelo antigo MSN sobre as coisas de que mais gostávamos como videogames, músicas, desenhos e outros assuntos. Ninguém ainda tinha sequer visto a foto do outro, mas gostávamos tanto  que quando eu voltava da escola ia correndo para o computador à espera de que ela aparecesse e pudéssemos passar a tarde conversando”, contou João Vitor, que mora em Paranaguá.

Com o tempo, a troca de mensagens não era mais suficiente. Eles precisam ouvir a voz para sentir o contato mais próximo e desvendar sobre aquele sentimento que aumentava a cada dia.

“Trocamos telefones e algumas fotos. Webcam e smartphone ainda não eram comuns, por isso passávamos horas e horas falando e então começamos um namoro a distância”, contou.

Porém, após um ano de relacionamento, a mãe da menina, que mora em Belém do Pará, descobriu e não gostou da história. “Ela me ligou pedindo que não falasse mais com a filha dela por que eu era um desconhecido”.

Mas João não acatou o pedido, ou seja, ouviu seu coração e seguiu em frente. “Eu insisti e pedi pra que não nos proibisse de nos comunicar. Foi então que o pai dela disse que se eu realmente gostava da filha dele, ele queria me conhecer”, relembra.

Nessa época, João ainda iria completar 15 anos, mas nessas alturas idade e distância eram meros detalhes, pois o amor já dava sinais que era verdadeiro. Depois de convencer seus pais, João embarcou sozinho para Belém do Pará em sua primeira viagem de avião.

“O momento que cheguei ao aeroporto e vi cara a cara a pessoa com quem conversava toda hora foi o dia mais feliz da minha vida. Pude ter certeza de que nada havia mudando entre a distância e o contato pessoal. A personalidade era a mesma”, recorda.

Foram os dias mais felizes da vida do jovem casal. O detalhe mais importante é que os pais da Helen Tatiana adoraram João Vitor, ou seja, uma grande barreira vencida.

“Como as passagens são caras e a viagem é longa, nos vemos durante as férias apenas. E conversamos pela  webcam do smartphone sempre que possível”, ressaltou João Vitor.

Atualmente, os dois estão concluindo a faculdade e pretendem se casar e viver juntos em Curitiba. “E tudo começou há 8 anos, mandando o primeiro 'oi' pelo extinto MSN”, finaliza João Vitor. 

Publicidade






Em alta