Connect with us

Cultura

Oficina de entalhe em madeira está com inscrições abertas

Aulas são gratuitas e voltadas para o público acima de 12 anos de idade

Publicado

em

Entre as mais de 20 oficinas de arte ofertadas pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, está a de entalhes em madeira. Em 2019, as aulas tiveram bons resultados revelando talentos e mostrando que as mulheres também se destacam na arte do entalhe.

A oficina é realizada pelo artista plástico e artesão Marcos Piantá, que tem mais de 30 anos de experiência em dar forma às peças de madeira. As oficinas iniciam no dia 26 de fevereiro na casa Brasílio Itiberê, fundos da Biblioteca Mário Lobo (em frente à Catedral).

As inscrições podem ser efetuadas na sede da Secultur, em frente ao Palácio do Café (vagas limitadas) para alunos a partir de 12 anos de idade, tanto masculino como feminino.

“As aulas serão ministradas no estilo ateliê livre, ou seja, é só chegar e participar dentro do horário oferecido, quartas-feiras, das 13h às 18h, e às quintas-feiras das 9h às 12h. Este é o segundo ano do curso que já revelou vários talentos em Paranaguá, celeiro de artistas paranaenses. Todos podem participar e aprender sobre técnicas, ferramentas e madeiras próprias”, explica Piantá.

 Instrutor Marcos Piantá tem 30 anos de experiência na arte do entalhe em madeira

“Muitas pessoas imaginam que seja difícil realizar o entalhe em madeira, mas não é. Logo nas primeiras aulas é possível notar que através da imaginação podemos criar aquilo que queremos. Com tempo vem o aperfeiçoamento e tudo vai melhorando. É uma excelente forma de se livrar do estresse acumulado no dia a dia e passar momentos agradáveis fazendo trabalhos manuais. Para isso, basta um pouquinho de disposição e uma dose de criatividade”, destaca Piantá.

O entalhe em madeira é uma arte milenar e hoje está acessível para todos. “Ano passado tivemos resultados surpreendentes e chegamos a realizar uma exposição na Casa Dacheux, onde o público pôde apreciar as produções que nasceram durante as aulas”, finaliza.

Pessoas de várias podem participar

 

Continuar lendo