conecte-se conosco

Coluna do Guru

Centenário de nascimento de Leonel Brizola

Leonel de Moura Brizola, ganha homenagens em vários pontos do país, e em Paranaguá não está sendo diferente.

Publicado

em

Foto: arquivo PDT

Neste sábado, 22, um dos políticos que escreveu o nome na história do país, se vivo fosse, completaria 100 anos. Leonel de Moura Brizola, ganha homenagens em vários pontos do país, e em Paranaguá não está sendo diferente. Duas pessoas que conviveram com Brizola, o ex-prefeito José Baka Filho, eleito pelo PDT, dirigente atuante no partido a nível Nacional e estadual, e presidente do Diretório municipal de Paranaguá, e o 1. º vereador eleito pelo partido em Paranaguá, o ex-vice-prefeito Massami Takayama, falaram a Folha do Litoral News de suas experiências e da participação de Brizola em suas trajetórias política. Nascido em 22 de janeiro de 1922, no povoado de Cruzinha, no Rio Grande do Sul, Brizola morreu em junho de 2004, vítima de um edema pulmonar seguido de infarto. Brizola entrou para a política na década de 1940, eleito deputado estadual pelo PTB. A partir daí ocupou cadeira na Câmara Federal, foi prefeito de Porto Alegre e, depois, governador do Rio Grande do Sul. Em 1962, transferiu seu domicílio eleitoral para a antiga Guanabara, onde se elegeu deputado federal. A partir de 1964, viveu no exílio, retornando ao Brasil em 1979, quando fundou e presidiu o Partido Democrático Trabalhista (PDT). Leonel de Moura Brizola seguiu ativamente na política até sua morte, incluindo a disputa da eleição presidencial de 1989, e por pouco não foi para o segundo turno. Teve na Educação e no Trabalhismo seu grande legado.