conecte-se conosco

ADI Paraná

Turismo no PR

As atividades turísticas cresceram 15,9% no primeiro bimestre deste ano no Paraná na comparação com o mesmo período do ano passado

Publicado

em

ADI
Foto: José Fernando Ogura/AEN

As atividades turísticas cresceram 15,9% no primeiro bimestre deste ano no Paraná na comparação com o mesmo período do ano passado. A retomada dos voos comerciais, o aumento no número de ligações aéreas e o crescimento visível na movimentação no Litoral, nas praias de água doce (Oeste e Noroeste) e nos atrativos, como o Parque Nacional do Iguaçu, confirmam a recuperação do setor de turismo no Estado.

Filiados

Tribunal Superior Eleitoral (TSE) reforça, aos partidos que desejam participar do pleito de dois de outubro, que o prazo final para entrega da relação de filiados é o dia 18 de abril, próxima segunda-feira. O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná deverá divulgar na próxima semana o panorama de trocas. Os dirigentes partidários não precisam ir até a Justiça Eleitoral para formalizarem as filiações, eles atualizam sem sair de casa, através do Sistema de Filiação Partidária (Filia).

Vice no Podemos
Deltan Dallagnol assumiu a vice-presidência do Podemos do Paraná, no lugar do ex-juiz e ex-ministro Sergio Moro, que trocou o partido pelo União Brasil. O ex-procurador é uma das grandes apostas do Podemos para a eleição de outubro, devendo concorrer a uma vaga na Câmara dos Deputados. Ele ganhou pontos com a direção do partido quando decidiu seguir na legenda mesmo após a polêmica saída de Moro.

Políticas públicas
Os prefeitos do Noroeste criaram um movimento para o fortalecimento de ações de crescimento entre os municípios da região. A intenção é lutar, em conjunto, por políticas públicas. O prefeito de Maringá, Ulisses Maia (PSD) disse que “é preciso unir forças, pensar no coletivo e trabalharmos para vencer as burocracias. Esse movimento será uma importante ferramenta para a construção desse objetivo“.

Prefeitos
Participaram os prefeitos: Leandro César Oliveira (Araruna), Tauillo Tezelli (Campo Mourão), Robison Pedroso (Jussara), Fernando Brambilla (Santa Fé), Júlio César da Silva Leite (Terra Rica), Hermes Pimentel (Umuarama) e os vice-prefeitos: João Alexandre Teixeira (Cianorte) e Pedro Baraldi (Paranavaí), além do secretário de Assuntos Metropolitanos de Maringá, Fausto Herradon.

Tide
O Ministério Público investiga denúncias de desvios no regime de tempo integral e dedicação exclusiva nas universidades estaduais. O MP recebeu denúncias contra professores da UEPG e determinou a instauração de inquérito. Ao professor em regime de tempo integral e dedicação exclusiva, entre outros pontos, é vedado exercer outra atividade remunerada regular ou manter vínculo empregatício no setor público ou privado.

Casa Fácil
O Estado já liberou cerca de R$ 22 milhões em recursos do programa Casa Fácil para Maringá. O montante será utilizado para ajudar 1.444 famílias a adquirirem uma casa em um trabalho de parceria com a Caixa Econômica, construtoras e o município. A iniciativa prevê a concessão de subsídios de R$ 15 mil para abatimento do valor de entrada de imóveis financiados pela Caixa.

Show
No dia 26 de maio, Santa Helena completa 55 anos de emancipação político-administrativa. Para comemorar a data, a prefeitura organizou o show com César Menotti e Fabiano.

Vai e não volta
O deputado Luiz Cláudio Romanelli (PSD) lamentou a falta de contrapartida de recursos do governo federal com o Estado do Paraná. “Dos R$ 80 bilhões que o Paraná arrecada por ano e envia à União, apenas R$ 30 bilhões retornam aos cofres do Estado, o que é uma injustiça”. De toda arrecadação do país – estados e municípios – “o grosso, 60%, fica em Brasília”, No caso paranaense, onde é retornado apenas um terço do que se envia a Brasília, é muito pouco, pois “há uma carência para o desenvolvimento de políticas públicas, principalmente infraestrutura nos municípios”, pontuou Romanelli.

Defesa dos municípios
Previsto para o dia 25 de abril dentro da programação paralela da XXIII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, o painel temático de Habitação e Planejamento Urbano vai trazer orientações aos participantes sobre o financiamento para moradias, tecnologia 5G e Parcerias Público-Privadas (PPPs). As inscrições para a maior mobilização municipalista da América Latina estão abertas e podem ser confirmadas no site marcha.cnm.org.br.

Afortunadas
Na tradicional lista das pessoas mais ricas do mundo, divulgada anualmente pela Forbes, há 62 brasileiros. Desse total, oito dessas pessoas são mulheres. Cofundadoras ou herdeiras de negócios que vão do varejo ao agronegócio, as oito brasileiras, juntas, somam uma fortuna de 19,1 bilhões de dólares (90,5 bilhões de reais). No topo está Lucia Maggi, de 89 anos. A empresária, ligada ao agronegócio, tem uma fortuna avaliada em 6,9 bilhões de dólares (cerca de 32,3 bilhões de reais).

Os caciques
O ex-presidente Lula está em Brasília para uma agenda de três dias com líderes partidários e que tem como um dos objetivos uma ofensiva contra a terceira via. O petista se encontrou com os caciques do MDB na segunda-feira com a intenção de minar a pré-candidatura da senadora Simone Tebet. Um dos articuladores desta ideia é o senador Renan Calheiros, que tem atuado contra o próprio partido em prol do ex-presidente. O PT, por sua vez, adiou para o dia 7 de maio o lançamento da candidatura de Lula.

Viável
Pré-candidato à Presidência pelo PDT, Ciro Gomes admitiu que precisa demonstrar ser um nome viável até maio ou junho para conseguir apoio de outros partidos. O ex-ministro tem conversado e busca alianças com o União Brasil e o PSD. “Se eu conseguir, como estou conseguindo, chegar ali por maio, junho, demonstradamente o cara mais viável contra o que representa Lula e Bolsonaro em polarização, ódio e desagregação do país, tenho chance de capturar alguns pedaços da organização partidária brasileira.”

Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br.

Continuar lendo
Publicidade