conecte-se conosco

Cidadania

Instituto Isabelly Cristine já é realidade

Passados três meses do dia fatídico que tirou a vida da sua filha, e 15 quilos mais magra em função do sofrimento, Rosânia abraçou essa causa como motivação para viver.

Publicado

em

Rosânia Domingos dos Santos recebeu em sua casa, na manhã de quarta-feira, 16, a reportagem da Folha do Litoral News para falar de algo que está lhe dando mais ânimo para continuar a viver. Ela fundou uma ONG para cuidar de cachorros que vivem nas ruas.

Passados três meses do dia fatídico que tirou a vida da sua filha, e 15 quilos mais magra em função do sofrimento, Rosânia abraçou essa causa como motivação para viver. “É a realização do sonho que a Isa sempre teve e agora estamos concretizando”, destaca.

A  ONG “Doar Amor” tem como objetivo oferecer uma vida mais digna para os animais, colocando em um espaço adequado para a adoção. O Instituto Isabelly Cristine foi criado no dia 10 de maio, tendo como presidente Felipe Domingos dos Santos, irmão da saudosa Isa, como era conhecida. A ONG foi fundada dentro dos trâmites legais tendo o respaldo do advogado André Tavares.

“Ela sempre dizia que um dia iria abrir uma ONG para cuidar dos animais que vivem na rua. Desde que anunciamos que este sonho estava se tornando realidade passamos a receber várias doações como rações e toalhas e isso tem sido muito importante porque vamos precisar muito desse tipo de ajuda”, contou Rosânia.

O Instituto é composto por voluntários, padrinhos e associados. Cada um deles tem atividades diferentes que irão fazer funcionar a ONG.

Os voluntários serão responsáveis na realização de trabalhos como cuidar dos animais, dar banho e também na parte de alimentação. Os padrinhos são pessoas físicas que irão colaborar na parte financeira, mas sem obrigatoriedade. “Irão ajudar o quanto puder”, explicou.

Já os associados são pessoas jurídicas (empresas) que irão assinar um documento  de compromisso para doação mensal. “As empresas possuem uma verba disponível para investir na parte social, o chamado empreendedorismo social. Além disso, os associados também podem concorrer a um cargo na diretoria quando tiver eleição que irá acontecer a cada quatro anos”, destacou.      

 Há três meses ela convive com a dor e saudades da filha

 

A repercussão da criação da ONG tem repercutido longe. No domingo, 20, Rosânia estará indo a São Paulo a convite de Jorge Guerra, o Repórter Pet. É uma ONG criada em julho de 2016 com objetivo de ajudar ONGs, protetores e instituições a conseguirem espaço em vários veículos de comunicação, sempre em prol da causa animal. Jorge atua como repórter no Programa "A Tarde é Show", na Rede Brasil de Televisão, todas as quintas- feiras, às 17h.

“Estou feliz com essa nova atividade porque vou poder me ocupar com algo útil em prol da minha filha. No dia 28 vou ser recebida pelo prefeito Marcelo Roque, vamos tratar da sede da ONG. Muitas novidades serão anunciadas em breve”, finalizou.

Continuar lendo
Publicidade

Em alta