conecte-se conosco

Valmir Gomes

O POETA MAIAKOVSKI

Sempre me chamou atenção Moscou, não pela política, mas pelo reflexo da política na população.

Publicado

em

Sempre me chamou atenção Moscou, não pela política, mas pelo reflexo da política na população. Tirando os excessos da mídia da direita, a história de guerra e paz da URSS, sempre me chamou atenção. Longe de concordar com as mortes, torturas e prisões, tinha sede de informações corretas. Passei anos procurando a verdade, sem exageros. Lendo o poeta Maiakovski consegui algumas informações e respostas que queria. "Não estamos alegres, é certo, mas também por qual razão haveríamos de ficar tristes! O mar da história é agitado". Agora a Copa do Mundo de futebol vai nos mostrar uma das faces de Moscou. Quem sabe parecida com a que o poeta sonhava, e que nunca se materializou, levando o jovem Maiakovski ao suicídio.

 

FUTEBOL PARANAENSE

Ninguém pode fazer brincadeira com o outro, já que nossos times estão nivelados por baixo, sem exceção. A joia da coroa, o Atlético, está atrás do "time pequeno" segundo seu zagueiro, na tabela do Campeonato Brasileiro. O Tricolor da Vila retornou à primeira divisão depois de uma década, se preparou mal e chegou à lanterna da competição. Começa a melhorar. O Coritiba perdeu o título Estadual para os aspirantes do Atlético, contratou mal e tem irregularidade impressionante. O Londrina não ganha em casa nunca e perde como visitante. Daí fica difícil. Resta o Operário, o único que nos dá esperança de fazer bom campeonato e subir de divisão.

 

D'ALESSANDRO X REDES SOCIAIS

O meia argentino D'Alessandro do Internacional foi à Polícia de Porto Alegre dar queixa sobre repetidas ofensas à sua família, por alguns anônimos nas redes sociais. Existe no mundo uma contrariedade contra Fake News e seus adeptos, por espalhar boatos e inverdades, que denigrem as pessoas e suas famílias. O meia argentino aguentou o que pôde, agora é com a Polícia do Rio Grande do Sul. Uma lástima usar um meio de comunicação tão moderno, em atos de irresponsabilidades e mentirosos. Que os culpados sejam punidos exemplarmente.

 

1958: O ANO DO DESCOBRIMENTO DO BRASIL

Gente, a Copa da Suécia foi um marco para o nosso País. Pela vez primeira tivemos uma comissão técnica, tempo para treinar e organização dentro e fora do campo. Tinha até médico, dentista e psicólogo, um modernismo sem igual para a época. Na chegada à Suécia, os crioulos do time encantaram as meninas branquelas. Era o Brasil multirracial sendo descoberto pelo mundo. Com um futebol clássico e de individualidade, a cada jogo despertava mais a curiosidade do Planeta Terra. Com a vitória Nilton Santos, Didi, Pelé e Garrincha deram seu cartão de visitas. O Brasil estava sendo descoberto aos olhos do mundo. Aquela seleção merece respeito, antes dela éramos desconhecidos, chegavam a dizer que o Rio de Janeiro ficava em Buenos Aires! O complexo de vira-latas desapareceu, surgia no mapa mundial um país chamado Brasil. Ave, futebol.

Continuar lendo
Publicidade

Em alta