Logotipo

Paranaguá é contemplada em plano nacional de investimentos no turismo

26 de junho de 2019

No Paraná, apenas quatro municípios entraram no pacote de ações estratégicas

Compartilhe

Na manhã de quarta-feira, 26, cerca de 35 empresários e demais lideranças que atuam no setor turístico de Paranaguá estiveram reunidos. O encontro aconteceu no Hotel Camboa, criando oportunidade para o diálogo e troca de ideias sobre o setor. 

O grupo já vem realizando encontros com o propósito de fomentar o turismo para melhorar os pontos negativos que travam o desenvolvimento no setor. Desta vez, a reunião foi direcionada para a aplicação do programa Investe Turismo, desenvolvido conjuntamente pelo Ministério do Turismo, SEBRAE e Embratur.

Carin Santos, do SEBRAE Litoral, explicou sobre a proposta fazendo uma explanação por intermédio de uma videoconferência. Na ocasião, todos os participantes puderam conhecer o programa que tem como objetivo conduzir a política nacional de investimentos na área.  Curitiba, Paranaguá, Morretes e Foz do Iguaçu foram as cidades do Paraná escolhidas no programa. 

José Reis (Juca) abriu a reunião destacando os principais pontos da proposta, enfatizando a importância de todos atuarem em sintonia.

“Estamos aqui hoje com os empresários para que possamos fazer ações de turismo e ver questões de estrutura e segurança no receptivo da cidade. Precisamos ter ações concretas para que haja retorno rápido, pois todos estão interligados e empenhados em buscar o melhor para a cidade”, destacou. 

Eduardo Maranhão, empresário do segmento turístico, ressaltou a importância da união de todos.

“É um passo importante para o turismo a união dos empresários que é uma situação que a gente sempre teve dificuldade aqui na cidade. Sempre tivemos pouca adesão de empresários, mas hoje percebemos uma mudança na situação. Estamos com mais de 35 pessoas envolvidas na reunião. Estamos realmente buscando soluções e analisando vários pontos. É um ponto de partida para o futuro, ou seja, uma semente que está sendo plantada hoje para que possamos colher o fruto lá na frente. Vamos ter muito trabalho e estamos empenhados nesse sentido”, apontou. 

Fernanda Inasaris, superintendente de Turismo da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, marcou presença na reunião e ressaltou que para para se alcançar o objetivo do plano é preciso união e entrosamento de todos.

“Em Paranaguá, sempre faltou essa união que tanto buscamos. Poderíamos mudar, por exemplo, uma organização que fizesse a gestão integrada seria a implantação do ‘Convention & Visitors Bureau’. Isso foi destacado no encontro, pois são ações que dependem diretamente dos empresários engajados com o Sebrae”, explicou.

Marcelo Dias apontou que a cidade entra em uma nova fase no segmento turistico

INVESTE TURISMO

Na região Sul, o pacote de ações estratégicas para estimular o turismo conta, inicialmente, com investimento de R$ 200 milhões. O Programa tem por objetivo acelerar o desenvolvimento, aumentar a qualidade, gerar empregos e incrementar a competitividade em quatro rotas turísticas estratégicas da macrorregião. 

Trinta e cinco municípios da região Sul do País serão contemplados pelo programa Investe Turismo, desenvolvido conjuntamente pelo Ministério do Turismo, Sebrae e Embratur. No Estado do Paraná, a rota contemplada é o Corredor Iguaçu, com quatro cidades que serão impactadas por um novo plano nacional de investimentos, estruturação e qualificação da oferta dos destinos. 

A iniciativa vai levar um pacote de ações de investimentos, incentivos a novos negócios, acesso ao crédito, marketing, inovação e melhoria de serviços voltados para 13 regiões turísticas dos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. A ideia é que os projetos a serem implementados aumentem a qualidade da oferta turística na região Sul. 
 


Colunistas