Connect with us

Trânsito

Mortes no trânsito caem 44% no Paraná

No ano passado houve 1,6 mil vítimas fatais nas estradas e ruas paranaenses

Publicado

em

O Paraná registrou em 2015 o menor número de mortes no trânsito dos últimos quatro anos. Dados compilados pelo Departamento de Trânsito do Estado (Detran) – com registros das Polícias Rodoviárias Federal e Estadual, Polícia Militar e prefeituras – mostram que no ano passado houve 1,6 mil vítimas fatais nas estradas e ruas paranaenses. Em 2012, foram 2,9 mil registros, caindo para 2,6 mil em 2013 e 2014. A diferença no período chega a 44%. No domingo, 20, ações especiais lembram o Dia Mundial em Memória a Vítimas de Trânsito.

No Estado houve também redução de acidentes com vítimas (-17,9%), na quantidade de vítimas não fatais (-17,7%) e no total de vítimas (-18,9%).

De acordo com o diretor-geral do Detran, Marcos Traad, apesar dos bons indicativos, ainda é preciso fazer mais. “O ideal seria que nenhuma família tivesse que lembrar seus entes queridos nesta data. O trabalho de educação e fiscalização está no caminho certo, mas ainda temos um longo percurso pela frente, disse”.

“O Governo do Paraná retomou os investimentos em campanhas educativas e hoje trabalha no chamado tripé da segurança viária: educação, fiscalização e engenharia de tráfego. Além disso, as leis de trânsito ficaram mais rígidas no período, em especial a Lei Seca”, completa.

PANORAMA

Os dados que comprovam a redução das mortes no Trânsito no Paraná estão no Anuário Estatístico de Trânsito 2015, realizado pelo Detran após um amplo trabalho de compilação, checagem e análise dos dados fornecidos por todos os agentes envolvidos nas esferas federal, estadual e municipal. A publicação estará disponível em breve no site do Detran www.detran.pr.gov.br.
 

MEMÓRIA

No domingo, das 10h às 12h, em Curitiba, equipes do Detran vão promover ações que visam a sensibilizar e conscientizar a população sobre a importância da prevenção dos acidentes de trânsito. O evento acontece no Memorial de Vítimas de Acidentes de Trânsito, no Parque Barigui, ao lado do Museu do Automóvel.

Estão programados um culto ecumênico, apresentação musical e a entrega de rosas brancas como um símbolo de lembrança, respeito e esperança na redução e combate aos acidentes de trânsito.

Além do Detran-PR, participam familiares de vítimas fatais de acidentes e as secretarias estaduais da Educação e da Saúde, além do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran). Também estão envolvidos o Observatório Nacional de Segurança Viária, o Instituto Paz no Trânsito, o Bodes do Asfalto, a Associação dos Centros de Avaliação de Condutores do Paraná, a Universidade Federal do Paraná (UFPR), a Tecnodata Educacional, a Associação dos Centros de Avaliação de Condutores do Paraná, a Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito de São José dos Pinhais, Empresa Mobilidade Segura, Comissão Estadual do Projeto Vida no Trânsito, entre outros.

VIDAS PERDIDAS

A ação quer lembrar vítimas como Ricardo, de 17 anos, morto em julho de 2006, quando a moto em que ele estava foi atingida por um caminhão que entrou na contramão. “Meu irmão era jovem, tinha toda a vida pela frente e agora nada vai trazer ele de volta”, diz a irmã Juliana Molina Faria.

A família de Julye Stephany de Oliveira, que perdeu um tio, uma tia e teve uma outra tia e uma prima feridas gravemente, também será homenageada. Eles sofreram um acidente causado por um motorista que fazia uma ultrapassagem perigosa. “Foi um choque para toda a família. Desde o acidente a nossa vida mudou e o trânsito passou a ser um ambiente de insegurança ”, revela.

 

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.