Connect with us

Polícia

Vítima de afogamento na lha do Mel morre no Hospital Regional

Moça de 22 anos estava internada desde a manhã de domingo, 8, na UTI do Hospital Regional.

Publicado

em

Uma moça de 22 anos, moradora na capital do Estado, morreu na madrugada de segunda-feira, 9, na UTI do Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá, onde estava internada desde a manhã de domingo, 8. Ela e mais duas pessoas se afogaram na Praia de Fora, na localidade do Farol, na Ilha do Mel. As outras vítimas sofreram ferimentos moderados e não correm risco de morte.

Afogamentos

A situação foi registrada por volta das 10h de domingo, 8, e o primeiro atendimento foi realizado por surfistas e moradores na Ilha, os quais estavam na praia. Eles entraram na água e conseguiram retirar as vítimas, uma delas em estado grave. O local onde o resgate aconteceu é de difícil acesso, dificultando a chegada dos socorristas e das equipes de emergência.

As vítimas foram retiradas da água e colocadas em um morro, na beira da praia.

Os próprios surfistas, que foram capacitados em um projeto desenvolvido no litoral, conhecido como Salva Surf, começaram os procedimentos de reanimação de uma das vítimas.

Diante da gravidade da situação, a equipe que estava de plantão na UBS – Unidade Básica de Saúde, instalada em Nova Brasília foi até o local. A médica e uma enfermeira, com equipamentos adequados para o resgate, se deslocaram até as proximidades em um carro elétrico que é utilizado nos atendimentos na localidade marítima.

Para chegar ao local onde as vítimas estavam, a equipe médica precisou entrar na água e atravessar uma parte da praia, até o morro.

Por se tratar de uma situação envolvendo três vítimas e o local ser de difícil acesso, outras equipes de emergência foram acionadas, como Guarda Civil Municipal, da Divisão Ambiental, policiais militares do Batalhão Ambiental – Força Verde e Corpo de Bombeiros.

Duas vítimas apresentavam ferimentos moderados, a moça de 22 anos, em estado grave, foi atendida por mais de uma hora pela médica e socorristas. Foram usadas técnicas de reanimação para salvar a vida da jovem.

Helicóptero

Enquanto as vítimas eram atendidas, um helicóptero do BPMOA – Batalhão Polícia Militar de Operações Aéreas foi encaminhado para o local.

O Falcão 04 chegou à Ilha do Mel e em um primeiro momento fez o transporte de duas vítimas para o aeroporto de Paranaguá, onde uma equipe do Samu aguardava. Elas foram encaminhadas para o Hospital Regional do Litoral.

Logo em seguida, a aeronave retornou à Ilha e aguardou o atendimento da terceira vítima, que estava em estado grave. A jovem foi reanimada e colocada na aeronave.

Encaminhada para a mesma casa hospitalar em Paranaguá, ela morreu na madrugada de segunda-feira, 9.

O corpo da moça de 22 anos foi recolhido pelo Instituto Médico Legal de Paranaguá, onde vai passar por exames complementares.

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.