conecte-se conosco

Polícia

Receita Federal apreende mais de 100 kg de cocaína em terminal do Porto de Paranaguá

A droga estava escondida em um contêiner carregado com sacos de açúcar.

Publicado

em

A equipe da Seção de Vigilância Aduaneira da Alfândega da Receita Federal (SAVIG) do Porto de Paranaguá, apreendeu na tarde de sábado, 29, cerca de 100 quilos de cocaína.

A droga estava escondida em um contêiner carregado com sacos de açúcar que seria transportado para o Porto de Rotterdam, na Holanda.

O entorpecente foi encontrado durante o trabalho rotineiro de fiscalização realizado no terminal de contêineres do porto.

Ao passar a estrutura pelo scanner, equipamento usado nas ações de vistoria e monitoramento de cargas, a droga foi detectada.

Rip-on/Rip-off

O método utilizado pelos traficantes internacionais para enviar a droga para o exterior é conhecido como rip-on/rip-off, quando a cocaína é colocada clandestinamente, dentro de bolsas, junto com a mercadoria, no interior do contêiner pouco antes do embarque, sem o conhecimento do dono da carga.

Ao todo foram apreendidas cinco bolsas com o entorpecente.

4.ª Apreensão

Esta foi a 4.ª apreensão de cocaína realizada no terminal de contêineres do Porto de Paranaguá este ano.

Ao todo, a equipe da SAVIG já apreendeu, em 2020, mais de 1 tonelada de cocaína, durante as ações de fiscalização realizadas no terminal portuário.

Toda a droga apreendida é encaminhada para a sede da Polícia Federal em Curitiba, que segue com as investigações.

Com informações e fotos da Receita Federal

Continuar lendo
Publicidade

Em alta