Logotipo

Paranaguá registra dois homicídios em menos de 24 horas

11 de setembro de 2019

Braian foi assassinado dentro de casa, na Travessa Albano Muler, no Jardim Santa Rosa

Compartilhe

Em menos de 24 horas, a cidade de Paranaguá registrou duas mortes violentas. O primeiro caso aconteceu no Jardim Santa Rosa, na noite de segunda-feira, 9, quando um menor de idade foi executado com dois tiros no peito. A segunda ocorrência foi registrada no final da manhã de terça-feira, 10, quando um homem de 37 anos foi encontrado morto, em um terreno baldio, na Vila Garcia.

1.º CASO - Menor é executado dentro de casa no Jardim Santa Rosa

Braian Henrique Rodrigues Ferreira, de 17 anos, foi executado com dois tiros no peito, dentro do banheiro da casa onde morava com a família, na Travessa Albano Muler, no Jardim Santa Rosa, na noite de segunda-feira, 9, por volta das 21h. 
A mãe do menor, que estava na residência no momento do crime, relatou aos policiais militares que atenderam à ocorrência, que dois homens invadiram o local e atiraram contra Braian. O menor não conseguiu escapar dos atiradores. A dupla fugiu em uma bicicleta.
Uma equipe do Samu esteve no local e constatou o óbito.
A área onde o homicídio aconteceu foi isolada e depois da perícia realizada pela Criminalística, o corpo de Braian foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) de Paranaguá, para exames complementares. 
Braian Henrique Rodrigues Ferreira, de 17 anos, tinha várias passagens pela polícia. 
Uma equipe da Polícia Civil esteve na casa onde o menor foi executado e começou a investigação. O nome de um suspeito foi repassado para os policiais.


2.º CASO - Corpo é encontrado em terreno baldio na Vila Garcia

Por volta das 11h de terça-feira, 10, moradores na Rua Marlene de Fátima, na Vila Garcia, ligaram para a central 190 da Polícia Militar, relatando ter encontrado um homem caído em um terreno baldio, com ferimentos provocados por arma branca.
No local indicado, os policiais e socorristas do Samu, que também foram acionados, constataram o fato. 
O homem estava entre a vegetação, perto de uma árvore, já sem vida. Ele foi atingido por pelo menos quatro facadas. 
Moradores no bairro, que foram até o terreno onde o crime aconteceu, reconheceram o homem. 
Ronaldo de Castro, de 37 anos, era morador na região.
Testemunhas contaram que viram Ronaldo caminhando pelo bairro, horas antes.

IML

O perito da Criminalística esteve no local e depois do trabalho de coleta de informações, o corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Paranaguá, onde passou por exames complementares.
Familiares de Ronaldo de Castro também reconheceram o corpo ainda no local do crime.

INVESTIGAÇÃO

Policiais civis acompanharam os procedimentos da perícia e começaram as investigações. Câmeras de monitoramento, instaladas em casas na região podem ajudar na identificação de suspeitos. 

39.º HOMICÍDIO

Com os dois casos registrados em Paranaguá, nas últimas horas, sobe para 39 o número de homicídios em Paranaguá, em 2019. No litoral são 66 registros.


Colunistas