Connect with us

Marinha do Brasil

Capitania encerra Operação com 450 abordagens a embarcações de transporte de passageiros e turismo náutico

Foram emitidas 16 notificações no período de 15 a 31 de janeiro. (Foto: Capitania dos Portos do Paraná)

Publicado

em

A Capitania dos Portos do Paraná (CPPR), realizou 450 abordagens a embarcações de transporte de passageiros, turismo náutico, balsas e ferry boats no Litoral e na região Leste do Estado do Paraná no contexto da Operação Travessia Segura. Todo ano, a Marinha do Brasil intensifica na segunda quinzena de janeiro a fiscalização deste tipo de navegação devido ao aumento do fluxo de passeios marítimos e ribeirinhos no período de férias escolares. Ao todo, 16 notificações foram emitidas para os proprietários apresentarem-se na Capitania dos Portos devido a verificação de alguma irregularidade.

Entre os principais problemas encontrados nas embarcações de transporte de passageiros e turismo náutico estão o Título de Inscrição da Embarcação (TIE) vencido e condutor sem o Curso Especial de Segurança de Embarcações de Passageiros (ESEP). Os principais pontos de abordagens destas embarcações estão nos Terminais de Passageiros nas cidades de Paranaguá, Pontal do Paraná e Guaratuba. O maior fluxo é registrado em Pontal do Paraná e Paranaguá, ponto de partida de turistas e de moradores do Litoral para as diversas ilhas e comunidades ribeirinhas. O destaque principal é o trânsito de passageiros para a Ilha do Mel, segundo principal ponto turístico do Paraná e chega a receber simultaneamente cerca de cinco mil pessoas na alta temporada.

O Capitão dos Portos do Paraná, Capitão de Mar e Guerra Rogerio Antunes Machado, valorizou a boa conduta para a segurança da navegação dos comandantes de embarcações de transporte de passageiros e turismo náutico no Litoral do Paraná.

“Historicamente nós temos um respeito grande às normas de navegação e às questões de segurança e salvatagem das embarcações voltadas ao turismo no Paraná. Apenas 3,5% das abordagens resultaram na verificação de alguma irregularidade. A nossa presença nos terminais de embarque continua importante para que o turismo no Paraná continue crescendo com segurança no transporte de pessoas a bordo de embarcações. Fiscalizar a navegação e salvaguardar a vida humana é a principal missão da CPPR no Litoral e na região Leste do Paraná.”

Operação Verão 2019/2020 – Mares Seguros e Limpos

Todas as ações da Operação Travessia Segura fazem parte da "Operação Verão 2019/2020 – Mares Seguros e Limpos", que começou no último dia 20 de dezembro e segue até o próximo dia 18 de março nas áreas de maior concentração de embarcações. A missão principal é minimizar a possibilidade de acidentes de navegação com Ações de Fiscalização do Tráfego Aquaviário e com o esclarecimento das normas de segurança da navegação. A Operação Verão da Marinha do Brasil (MB) acontece em todo o país aliada a uma campanha de conscientização para fortalecer a preservação de nossos mares, rios e lagos.

Desde o início até o dia 31 de janeiro, a CPPR já realizou 2.194 abordagens à embarcações, sendo 1.084 de transporte de passageiros, 767 de esporte e recreio, 314 de motos aquáticas, e outras 29 de embarcações diversas, como as utilizadas para a pesca. Ao todo, foram emitidas 121 notificações, 39 para transporte de passageiros, 50 para esporte e recreio, 23 para motos aquáticas, e outras 9 para embarcações diversas.

O destaque principal é o trânsito de passageiros para a Ilha do Mel, segundo principal ponto turístico do Paraná. (Foto: Capitania dos Portos do Paraná)

Cidadão-fiscal

A Capitania dos Portos do Paraná (CPPR) incentiva todo o cidadão a auxiliar na fiscalização do tráfego aquaviário. Ao verificar irregularidades com embarcações, como manobras perigosas; falta de itens de segurança; condutores alcoolizados; e problemas com coletes salva-vidas ou na habilitação dos condutores solicita-se que a CPPR seja acionada de imediato através do DisqueSegurança da Navegação no (41) 3721-1542.

As informações podem ser encaminhadas ainda por email no [email protected] Mais informações também estão no site da Capitania: www.marinha.mil.br/cppr. Pedidos de Busca e Salvamento podem ser feitos ainda pelo número 185.

Fonte: Capitania dos Portos do Paraná

Continuar lendo