conecte-se conosco

Marinha do Brasil

Capitania dos Portos do Paraná celebra o Dia do Marinheiro em cerimônia militar

A solenidade em Paranaguá ressaltou a carreira e os valores do Patrono da Marinha, Almirante Joaquim Marques Lisboa, Marquês de Tamandaré

Publicado

em

A Capitania dos Portos do Paraná (CPPR) celebrou neste dia 13 de dezembro o Dia do Marinheiro em cerimônia militar realizada na sede da Organização Militar, às margens do rio Itiberê em Paranaguá, no Litoral paranaense. A data celebra o Patrono da Marinha do Brasil, Almirante Joaquim Marques Lisboa, Marquês de Tamandaré. Em 1925 foi instituído o dia 13 de dezembro como o Dia do Marinheiro, data de nascimento do Almirante Tamandaré, e que foi elevado à condição de Herói da Pátria em 2004. A solenidade em Paranaguá, presidida pelo Capitão dos Portos do Paraná, Capitão de Mar e Guerra Rogerio Antunes Machado, ressaltou a carreira e os valores do Patrono da Marinha como exemplo cotidiano para todos os marinheiros.

O Dia do Marinheiro foi celebrado em cerimônia militar na CPPR às margens do rio Itiberê em Paranaguá.

Na cerimônia militar, foi lida a Ordem do Dia do Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior, e a Mensagem do Presidente da República, Jair Bolsonaro. Três militares receberam medalhas. A medalha “Mérito Marinheiro” com quatro âncoras e passador de bronze foi entregue ao Suboficial Submarinista Anderson Rocha de Oliveira por ter se distinguido pela exemplar dedicação à profissão em operações no mar. O Capitão-Tenente Raimundo Sales de Melo Neto e o 3º Sargento Gustavo Ferreira Vieira foram agraciados com a Medalha Militar de Bronze com Passador de Bronze ao terem completado o primeiro decênio e como reconhecimento pelos bons serviços prestados durante mais de dez anos.

Operação Cisne Branco Foram premiados ainda 21 alunos participantes da Operação Cisne Branco, concurso de redação da Marinha do Brasil. Neste ano, participaram estudantes do Colégio Militar de Curitiba (CMC), Escola Estadual Cidália Rebello Gomes, Escola Estadual Faria Sobrinho, e Diocesano Leão XIII. Ao todo, mais de mil alunos dos Ensino Fundamental (EF) e Ensino Médio (EM) assistiram às palestras ao longo do ano e participaram das atividades. Os temas propostos para este ano foram: "Se eu fosse marinheiro, o que faria pelo Brasil?" no Ensino Fundamental; e "A importância da Marinha para a presença do Brasil no continente gelado" no Ensino Médio. O objetivo do concurso é despertar nos jovens, pais e professores, o interesse por assuntos ligados à Marinha e às tradições navais contribuindo, desta forma, para o desenvolvimento de uma mentalidade marítima em nosso país.

 

Foram premiados ainda 21 alunos participantes da Operação Cisne Branco.

 

A medalha “Mérito Marinheiro” com quatro âncoras e passador de bronze foi entregue ao Suboficial Submarinista Anderson Rocha de Oliveira.

 

Comunicação Social e Relações Públicas da Capitania dos Portos do Paraná

Fotos: Capitania dos Portos do Paraná.

 

Continuar lendo
Publicidade