conecte-se conosco

Marinha do Brasil

Capitania autoriza navegação da plataforma P-76, construída em Pontal do Paraná

Seis rebocadores foram utilizados para movimentar a plataforma da área do estaleiro.

Publicado

em

A Capitania dos Portos do Paraná (CPPR) autorizou a desatracação e a navegação da plataforma P-76 do estaleiro da empresa Techint para a Bacia de Santos, área marítima em que o equipamento será utilizado pela Petrobras para a exploração de petróleo. A embarcação suspendeu de Pontal do Sul, localidade no município de Pontal do Paraná-PR em que está localizado o estaleiro, na manhã do dia 19 de dezembro. Uma equipe de Inspeção Naval acompanhou a saída da P-76 para alto-mar.

A P-76 tem 332 metros de comprimento e 58 metros de boca. Ao todo, seis rebocadores foram utilizados para movimentar a plataforma da área do estaleiro, dois deles foram contratados de empresas especializadas na prestação deste tipo de serviço no Rio de Janeiro. Quatro rebocadores são embarcações que atuam na Baia de Paranaguá e auxiliaram no deslocamento até a saída do Canal da Galheta. Os dois rebocadores “cariocas” irão acompanhar a plataforma até o destino final.

Para liberar a navegação da P-76, a CPPR acompanhou com vistorias periódicas a construção da embarcação. No início de dezembro, foi realizada a Inspeção de Conformidade, solicitada pela empresa Techint, pelo grupo de Inspetores Navais da capitania, que verificou as condições de navegação e operação da plataforma no que refere-se à segurança da navegação, salvaguarda da vida humana e prevenção da poluição hídrica. Além disso, a CPPR atuou para aprovar o Plano de Gerenciamento de Reboque, que define todas as diretrizes para o deslocamento da plataforma entre Pontal do Paraná e a Bacia de Santos.

O Capitão dos Portos do Paraná, Capitão de Mar e Guerra Germano Teixeira da Silva, declarou que a desatracação da P-76 para operar é uma demonstração da capacidade industrial e operativa da população do Estado do Paraná. “Para a CPPR, foi um desafio e um orgulho participar como representante da Autoridade Marítima do Brasil deste processo de autorização para a entrada em operação da P-76. O povo paranaense pode enaltecer o fato de contribuir para a exploração do petróleo em alto-mar, uma importante fonte energética do País.”

Da Assessoria da Capitania

Continuar lendo
Publicidade

Em alta

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.