Connect with us

Instituto Histórico e Geográfico de Paranaguá

COMPONDO O PÁTIO DO IHGP

Toda essa algazarra dos passarinhos encanta os nossos ouvidos, além do colorido das flores, que aprofundam a nossa visão.

Publicado

em

Com a chegada da Primavera ouvimos o canto dos pássaros já na madrugada, indicando que o silencioso inverno ficou para trás. Toda essa algazarra dos passarinhos encanta os nossos ouvidos, além do colorido das flores, que aprofundam a nossa visão. Justamente no pátio do Instituto Histórico e Geográfico de Paranaguá – IHGP podemos encontrar estátuas das quatro estações e lá está uma deusa segurando uma cesta de flores, representando a primavera.

 Nas suas proximidades encontra-se o pelourinho, não era ali o seu lugar, mas foi levado ao IHGP justamente para ser preservado. Segundo Waldomiro Ferreira de Freitas (1999), Gabriel de Lara não poupou esforços para obter licença para erigir o pelourinho, simbolizando a justiça portuguesa. Atingiu o intento a 6 de janeiro de 1646, quando foi realmente erigido o pelourinho ao largo do antigo mercado de Paranaguá, autorizado pelo Governador do Rio de Janeiro, Duarte Correia Vasqueanes, em nome do imperador Dom João IV.

Constitui-se de uma coluna de pedra com seis faces colocada sobre uma base também em cantaria, ou seja, talhada na rocha, dando-lhe um aspecto geométrico. A técnica da cantaria foi introduzida no Brasil durante o período colonial e sua expansão deu-se durante o período jesuítico. Anteriormente essas rochas talhadas eram trazidas de Portugal. O pelourinho simbolizava a posse real e efetiva da povoação (Freitas, 1999)

Da estátua da primavera avistamos o panteão, guardando os restos mortais de Júlia da Costa e Leôncio Correia, tendo ao lado suas poesias escritas na parede. Ambos nasceram em Paranaguá. Júlia da Costa nasceu a 1.º de janeiro de 1844 e faleceu em 12 de julho de 1914, em São Francisco do Sul, Santa Catarina. É reconhecida como a primeira poetisa paranaense. Leôncio Correia nasceu a 1 de setembro de 1865 e faleceu no Rio de Janeiro a 19 de junho de 1950. É considerado um ícone na poesia e na prosa.

Próxima ao panteão foi plantada uma árvore em 2002, o pau-brasil, já despontando sua copa e alegrando o ambiente.

Nesse ambiente favorável da primavera é que foi criado o IHGP, no dia 26 de setembro de 1931, e também, poucos sabem, o Dia Municipal da Cultura em data mais recente.        

Guadalupe Vivekananda Fabry

Presidente

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.