Logotipo

TRE inicia treinamento para mesários em Paranaguá

04 de setembro de 2018

Mais de 1.200 cidadãos irão colaborar com a Justiça Eleitoral no dia 7 de outubro

Compartilhe

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Paraná iniciou, nesta semana, o treinamento para os mesários de Paranaguá que vão atuar nas próximas eleições. A votação acontece no dia 7 de outubro e os mesários vão colaborar com o processo eleitoral por meio do ato de cidadania. Paranaguá possui 1.212 mesários que vão estar presentes nos 44 locais de votação e 303 seções eleitorais para receber os 98.933 eleitores do município.

O chefe de cartório da 5.ª Zona Eleitoral do município, Sérgio Paulo Kawka, explicou que o treinamento acontece para aqueles elencados para atuar como presidentes de seção e primeiros mesários. “O presidente é quem digita o título e habilita o eleitor a ir até a cabine votar e o primeiro mesário é o assistente do presidente. A eleição em Paranaguá será totalmente biométrica”, acrescentou Kawka.

O chefe de cartório da 5.ª Zona Eleitoral do município, Sérgio Paulo Kawka, salientou a importância do trabalho dos mesários

O treinamento tem duração de duas horas, iniciando com um vídeo do presidente do TRE. Logo em seguida, o chefe de cartório apresenta um resumo teórico e, para finalizar, os mesários partem para a parte prática com o manuseio da urna eletrônica. Desta forma, eles podem fazer uma simulação de como será no dia das eleições.

Se após esse processo ainda restar alguma dúvida, eles poderão recorrer ao Manual do Mesário, que também estará disponível no aplicativo “Mesários”. “Eles são extremamente importantes porque no dia da eleição quem representa a Justiça Eleitoral e ajuda a concretizar a democracia no Brasil são os mesários, eles que vão atender a nação. É através do trabalho deles que vamos decidir o futuro do Brasil nos próximos quatro anos”, relatou Kawka.

Cerca de 30% dos mesários se voluntariaram para o trabalho, o restante foi convocado pela Justiça Eleitoral. Os eleitores podem se cadastrar para atuar na função, já que o ideal, segundo o chefe de cartório, é ter 100% de voluntários. A convocação em Paranaguá também se torna dificultada devido à presença de ilhas e comunidades marítimas. “A cidade tem suas peculiaridades e, por isso, encontramos dificuldades em fazer a convocação”, reiterou Kawka.

Mesários podem fazer uma simulação de como será no dia das eleições com as urnas eletrônicas

Aqueles que foram convocados e não comparecerem ao treinamento devem procurar o TRE a partir do dia 10 de setembro. “Os mesários que não conseguiram fazer o treinamento na segunda-feira, 3, podem fazer em outro dia desta semana, pois o conteúdo é o mesmo”, ressaltou o chefe de cartório.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), todo cidadão que prestar serviço como mesário será dispensado do serviço público ou privado, mediante declaração expedida pelo juiz eleitoral, pelo dobro dos dias que tiver ficado à disposição, sem prejuízo do salário, vencimento ou qualquer vantagem.

Assim, ao final do treinamento, eles recebem a declaração para apresentar no local de trabalho. Os estudantes do Ensino Superior que foram convocados também poderão ter as horas trabalhadas na eleição revertidas em horas extracurriculares.


Colunistas