Logotipo

App Pardal transforma cidadãos em fiscais

07 de setembro de 2018

Cidadãos precisam registrar seus dados pessoais, além de encaminhar vídeos, fotos ou áudios que comprovem a existência do fato denunciado

Compartilhe

Para potencializar o alcance da fiscalização da conduta de candidatos e partidos durante a campanha eleitoral, a Justiça Eleitoral desenvolveu o aplicativo Pardal, um importante aliado que transforma os cidadãos em verdadeiros atores no combate à corrupção eleitoral. Com o aplicativo, disponível para download gratuito nas lojas virtuais Apple Store e Google Play, diversas infrações podem ser comunicadas, como as relacionadas à propaganda eleitoral, à compra de votos, ao uso da máquina pública, a doações e gastos de campanha. A versão de 2018 ainda conta com algumas novidades se comparada com a que foi utilizada nas eleições de 2016, como a possibilidade de registrar denúncias também contra partidos ou coligações.

Para realizar as denúncias, os cidadãos precisam registrar seus dados pessoais, além de encaminhar vídeos, fotos ou áudios que comprovem a existência do fato denunciado. Mas é importante ressaltar que o sigilo em relação à identidade do denunciante é garantido na hipótese de sua segurança estar ameaçada.

Caso as irregularidades se relacionem à campanha para os cargos de presidente e de vice-presidente da República ou a propaganda eleitoral veiculada na Internet ou nas emissoras de rádio e TV, as denúncias deverão ser encaminhadas pelos meios tradicionais: Ministério Público (consulta via site) ou Disque Denúncia, no telefone 181.

Fonte: TRE


Colunistas