Logotipo

Unespar campus Paranaguá elege nova diretoria neste mês

05 de setembro de 2019

Membros da Chapa 3, os professores Sebastião Cavalcanti e Dulce Mara Nunhez Dias, visitaram a Folha do Litoral News e apresentaram suas propostas

Compartilhe

A Universidade Estadual do Paraná (Unespar), campus Paranaguá, realiza na terça-feira, 10, eleição para a nova diretoria que estará à frente da instituição de ensino superior nos próximos quatro anos. A universidade conta com cerca de 1.500 estudantes, 102 professores e 17 agentes universitários que irão optar pela chapa que acreditam ter as melhores propostas.

Três chapas concorrem aos cargos de diretor e vice-diretor no campus. A Chapa 1, intitulada “Juntos, Somos Mais” é composta pela candidata a diretora, professora Danielle Marafon, e o vice, professor Cláudio Nogas. A Chapa 2, “Convergência para a Transformação”, é formada pelo candidato a diretor, professor Moacir Dalla Palma e o vice, professor Luís Fernando Roveda. A Chapa 3, “Atuação”, é composta pelo candidato a diretor, professor Sebastião Cavalcanti Neto, e pela vice, professora Dulce Mara Nunhez Dias. 

A eleição não é paritária, ou seja, os votos são contados com pesos diferentes entre as três categorias da instituição (professores, agentes e alunos). Os votos dos alunos têm peso de 15%, dos professores 70% e dos agentes universitários 15%.

Três chapas concorrem à gestão da universidade para os próximos quatro anos

APROXIMAÇÃO COM A COMUNIDADE

Os candidatos da Chapa 3 visitaram a Folha do Litoral News para apresentar suas propostas. Uma delas, segundo o professor Sebastião, é estreitar o relacionamento com os diversos setores da sociedade.

“Queremos ocupar o espaço que a universidade deve ter no litoral. Hoje, a Unespar é vista como de alunos e professores e não da comunidade. Existe esse distanciamento. Já temos no estatuto o Conselho Comunitário, que nunca foi implantado. Queremos nos aproximar de todos os setores da sociedade, tanto organizada como os movimentos sociais. Com isso, podemos alcançar o pertencimento à universidade, se tornando um bem intangível do litoral. O desenvolvimento econômico, social e sustentável passa pela Unespar”, explicou Cavalcanti.

Outro viés da Chapa 3, o qual deve ser abordado caso seja eleita, é a formação continuada aos estudantes com a oferta de cursos de especialização. “A Unespar tem 63 anos e, neste período, foram quase 10 mil profissionais formados. Mas muitos encerram os estudos. O curso de Administração já possui uma especialização lato sensu, que possui seis anos; Letras abriu inscrição para mais uma turma; e estamos buscando o mestrado”, disse Cavalcanti.

Duas propostas de mestrado para o campus Paranaguá estão em análise no Capes, nas áreas de Biologia e Administração. Se aprovadas, já podem ter início no próximo ano.

De acordo com a Chapa 3, a questão da infraestrutura do campus será uma batalha constante. “Queremos trabalhar a curto, médio e longo prazo. A longo prazo continua a discussão do terreno em frente à Floresta Estadual do Palmito, que já há um decreto que sinaliza que virá para a Unespar. Enquanto isso, precisamos buscar alternativas mais próximas”, declarou Cavalcanti.

INTEGRAÇÃO DOS ACADÊMICOS

Os candidatos a diretor e vice-diretor afirmam que querem aproveitar a experiência que possuem para buscar as melhorias. A professora Dulce já atuou como diretora do campus da Universidade Estadual de Maringá, em Cianorte. 

“Além desses projetos, nós temos outros para aproximação dos acadêmicos. Queremos promover alguns eventos na área cultural, esportiva, ou mesmo uma confraternização, para aproximar os cursos, que podem resultar em ações e pesquisas em conjunto. O professor Sebastião já tem alguns projetos que envolvem acadêmicos de vários cursos e queremos que isso aconteça com mais frequência”, acrescentou a candidata a vice-diretora, professora Dulce.

Com duas semanas para realizar a campanha, os integrantes das chapas se reúnem com os colegiados de cada curso, visita as salas de aula e apresentam suas intenções. A nova direção assume no dia 22 de outubro.


Colunistas