Connect with us

Educação

Crianças vivenciam a experiência da troca de cartas

Alunos receberam as cartas com muita alegria 

Publicado

em

Na era da tecnologia, os estudantes do 5.º ano da Escola Municipal Roseclair da Silva Costa (CAIC) estão tendo a experiência da troca de cartas. A iniciativa partiu das professoras Antonelli Floriano e Caroline Mariano, buscando não somente resgatar a tradição como também estimular a escrita e a leitura e a troca de experiências com outras culturas. 

As crianças de Paranaguá estão trocando cartas com os estudantes do Centro de Excelência Dom João José da Motta e Albuquerque, escola municipal da cidade de Afogados do Ingazeira, Pernambuco. Tudo começou através de um grupo no Facebook, do qual a professora Antonelli faz parte. 

“Faço parte de um grupo de educadores de todo o Brasil nas redes sociais e conheci virtualmente a professora Edilaine (Laine Oliveira), conversando decidimos trocar cartas entre nossos alunos que são da mesma idade e mesma série escolar. Conversei com os alunos fazendo a leitura do livro  ‘De carta em carta’, de Ana Maria Machado, escritora renomada brasileira que tem seu público infantojuvenil”, explicou. 

Os alunos adoraram a ideia de escrever para outras crianças. A professora Antonelli mostrou o Estado explicando que fica no nordeste, ressaltando a distância, e assim iniciou as atividades. “Quando as cartas chegaram foi uma grande euforia para receber e ler. Na verdade foi emocionante e estamos na produção das nossas para enviá-las a Pernambuco. Queremos manter este contato entre as escolas”, destacou. 

O aluno Brayan Correa Costa, de 9 anos, ficou muito empolgado com a carta que recebeu da nova amiga, Maria Isabelli Sophia Silva, da cidade de Afogados da Ingazeira, e comentou que vai pedir uma foto para saber como ela é. Na carta, a nova amiga escreveu que gosta de estudar e citou matérias preferidas na sua escola e comentou que sua cidade é pequena e quente. A menina também perguntou ao parnanguara como é o frio do sul do Brasil.

“Eu me sinto verdadeiramente não uma professora, mas uma educadora. Alguém que conduz sonhos. Estou feliz demais em poder mostrar a eles todos os caminhos para poderem ter acesso ao conhecimento e que possam se desenvolver como cidadãos. Mostrando que é possível através da educação termos um País melhor. Eu me sinto cidadã nesse momento, construindo o nosso futuro que são eles. Eu chorei na sala com a emoção deles percorrendo os olhos nas linhas vindas de longe”, finaliza a professora. 

As crianças de Pernambuco estão esperando a resposta das crianças de Paranaguá. A professora contou que pretende enviar, através dos Correios, no dia 4 de setembro. 
 

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.