Connect with us

Polícia

Polícia Civil autua suspeito de criar evento para propagar novo Coronavírus

O rapaz de 24 anos foi autuado por infringir a lei destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa.

Publicado

em

Largo da Ordem

A Polícia Civil do Paraná identificou um homem, de 24 anos, suspeito de organizar um evento em redes sociais convocando pessoas para propagar o novo Coronavírus, no Centro de Curitiba. O suspeito foi ouvido na manhã de quarta-feira, 18, e autuado por infringir a lei destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa. 

O encontro estava marcado para sexta-feira, 20, no Largo da Ordem, e já havia 15 pessoas confirmadas. Em depoimento, o suspeito disse que não está contaminado pelo vírus e que era apenas uma brincadeira, além disso, alegou que o evento não aconteceria. 

A PCPR chegou até o jovem através de um trabalho de investigação conjunta com a Guarda Municipal, que apura ocorrências de vandalismo no local em que o evento teria sido marcado. Na investigação em questão, os envolvidos também organizavam encontros através das redes sociais. 

As investigações continuam, com o objetivo de identificar e qualificar demais pessoas envolvidas com o fato. Todas elas poderão responder criminalmente por infringir a lei destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa. 

Se condenados, podem pegar até 1 ano de prisão, além de multa. 

Com informação e foto da PCPR