conecte-se conosco

Espaço Poético

A Poesia e Seus Encantos

Publicado

em

A poesia é uma mulher no corpo da Lua.

Vive cercada de milhares de estrelas

Carregadas de tinta para pulverizar minhas folhas.

Quando me fisga como anzol

Eu, equilibrista inexperiente,

Me deixo tocar pela vertigem do seu encanto.

Meus sentidos se perdem

Enquanto fecho os olhos

A procura dela no infinito

Da minha memória.

Estrelas fagulhantes trazem à lembrança

Tudo que havia depositado

Na caixa das contradições da vida.

Eu amo a poesia.

Porque através dela, posso amar.

Nela eu existo ilimitadamente,

Porque nela nada eu temo

Pois sem a poesia,

Eu nunca seria capaz

De romancear o futuro.

Autoria: Juciane Afonso

Continuar lendo
Publicidade