Connect with us

Ciência e Saúde

Otorrinolaringologista explica a perda de olfato pela Covid-19

Dr. Fábio Robert é graduado em Medicina na UFPR, possui Residência Médica em Otorrinolaringologia – Hospital de Clínicas – UFPR e Fellowship em Cirurgia Plástica Facial – Hospital IPO

Publicado

em

A perda de olfato é um dos sintomas mais característicos da contaminação pelo novo Coronavírus. E, diferentemente do que se vê em outras enfermidades respiratórias, na Covid-19 essa falha ocorre de forma abrupta e intensa. Neste Momento Saúde da Unimed Paranaguá, o Dr. Fabio Robert, fala sobre as principais causas e o que fazer caso você perca o seu olfato.

A perda de olfato durante a Covid-19 é um sintoma comum?

Dr. Fabio Robert: Sim, é um sintoma muito comum. Alguns estudos realizados na Bélgica mostram que pelo menos 86% dos pacientes com Covid-19 apresentaram alguma alteração do olfato durante a infecção e 69% algum distúrbio de paladar associado. As alterações variam desde a perda transitória e parcial na percepção olfativa, durante poucos dias na fase aguda, até a perda total da percepção olfativa, que chamamos de anosmia, e pode durar meses ou mesmo ser permanente.

Quais são as principais causas deste sintoma?

Dr. Fabio Robert: A anosmia (perda total do olfato) ou hiposmia (perda parcial) na Covid-19 não decorrem da infecção direta do vírus nos neurônios sensoriais responsáveis pelo olfato, que não apresentam a proteína ACE-2, a qual o vírus utiliza como porta de entrada, e sim, nas alterações das funções das chamadas células de suporte desses neurônios, responsáveis pela sua nutrição e sustentação, que são ricas nessas proteínas que deixam o vírus entrar nas células. A boa notícia, é que isso pode significar o porquê a grande maioria dos pacientes infectados pelo coronavírus possam voltar a sentir cheiro novamente mesmo que leve algum tempo para acontecer.

Perdi meu olfato, o que devo fazer?

Dr. Fabio Robert: A primeira coisa a fazer é consultar com seu otorrinolaringologista para confirmação do diagnóstico. Além da Covid-19, existem outras causas de olfato não relacionadas ao Coronavírus, como doenças de natureza alérgica como a rinite alérgica, infecciosas como sinusites, traumáticas, tumorais e até mesmo idiomáticas (onde não se descobre nenhuma causa aparente). Após confirmada a causa da perda de olfato, o médico otorrinolaringologista poderá definir junto ao paciente o melhor tratamento. No caso da Covid-19 grande parte dos pacientes apresentam remissão espontânea do sintoma ao longo dos dias e sintomas persistentes podem se beneficiar de terapia olfativa e uso de alguns medicamentos em determinados casos.

Quanto tempo, em média, leva para que o olfato retorne à normalidade?

Dr. Fabio Robert:  É muito variável. O espectro vai desde pacientes que apresentam perda parcial e rápida (de alguns dias) do olfato até alguns casos que, infelizmente, apresentam perdas totais e permanentes da percepção olfativa. A maior parte dos pacientes, entretanto, apresenta sintomas persistentes durante semanas ou até 8 meses, que felizmente apresentam melhora progressiva com acompanhamento e tratamento médico adequado.

Existe algum tratamento para perda de olfato causada pela Covid 19?

Dr. Fabio Robert:  Sim. A terapia olfatória realizada adequadamente tem se mostrado muito eficaz no tratamento desses pacientes, embora muitos apresentem melhora espontânea da perda de olfato com o fim da doença. Alguns pacientes podem se beneficiar do uso de medicamentos tópicos e sistêmicos para o tratamento de doenças associadas, como rinites e sinusites. O acompanhamento da evolução do sintoma com seu otorrinolaringologista é a melhor opção para a escolha do tratamento adequado a cada caso.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.