conecte-se conosco

Editorial

Feriado e a atenção no trânsito

É imprescindível se ater às leis de trânsito, sobretudo respeitando os limites de velocidade.

Publicado

em

Sempre que se aproxima um feriado prolongado, cria-se uma expectativa grande nas pessoas, pois se agiganta a possibilidade de desfrutar momentos de lazer e descontração, bem como de se colocar em prática ideias e projetos envolvendo viagens ou passeios.

Viajar é um dos principais desejos de grande parte da população e uma atividade importante e necessária, em virtude de descortinar a possibilidade de conhecer novos espaços, pessoas, estabelecer novos contatos e expandir os horizontes, além, é claro, de propiciar momentos de descontração na tão conturbada rotina contemporânea. Assim, programas voltados ao lazer, constituem-se em um xeque-mate em questões comuns na atualidade como a depressão, ansiedade e tantas síndromes que infelizmente têm acometido a humanidade.

Todas as possibilidades de passeio, sobretudo em companhia de pessoas amadas e que propiciam o bem-estar, são sempre bem-vindas, no entanto, não se pode esquecer de princípios básicos de segurança, dentre os quais os que se referem ao trânsito.

Qualquer viagem requer atenção redobrada e especial para com os veículos, assim entra em evidência o planejamento adequado e a necessidade de uma revisão minuciosa nos automóveis, sem deixar de lado freios, amortecedores, faróis, pneus, além da documentação tanto veicular como do condutor estar em dia, com quitação de impostos e licenciamento e Carteira Nacional de Habilitação atualizada.

Após a adoção destes cuidados básicos, é imprescindível se ater às leis de trânsito, sobretudo respeitando os limites de velocidade, a adoção de direção defensiva e a demonstração de educação e gentileza ao trafegar. 

Todos esses cuidados são o caminho para se ter uma viagem para se guardar boas lembranças e não ícones de tragédias que poderiam ser facilmente evitadas. A vida é para ser cuidada em todos os momentos e cada condutor não é responsável apenas por si mesmo, mas por si, pela vida das pessoas que estão no mesmo automóvel e também pelos que integram os demais veículos, pois uma imprudência pode ceifar a vida de inocentes, inclusive de pessoas que adotaram todos os cuidados básicos e foram surpreendidos pela irresponsabilidade de outros.

Que este feriado seja composto apenas por bons e marcantes momentos e todos demonstrem o valor que deve sempre ser dado à vida!

Continuar lendo
Publicidade

Em alta