conecte-se conosco

Editorial

Eleição nas escolas e a democracia

Hoje, acontece um importante pleito em Paranaguá, pois serão escolhidos pelas comunidades escolares os gestores dos próximos anos das instituições municipais de ensino.

Publicado

em

Um Estado democrático é marcado pela votação direta, a qual evidencia o desejo do povo, ou seja, é a participação popular em diferentes setores sociais, tanto para escolher o mandatário maior do País, quanto para eleger cargos mais próximos da comunidade.

Hoje, acontece um importante pleito em Paranaguá, pois serão escolhidos pelas comunidades escolares os gestores dos próximos anos das instituições municipais de ensino. A democracia precisa ser vivida em cada instância, mesmo em eventos vistos por muitos como não tão impactantes, pois cada um deles tem seu poder de influenciar o futuro, sendo imprescindível a participação popular.

Neste caso, está sendo escolhida a direção de um estabelecimento de ensino, onde é necessário haver o despontar de atividades cada vez mais pensadas e organizadas para melhor atender as crianças do município, as quais precisam de qualidade e comprometimento dos profissionais envolvidos no processo de ensino-aprendizagem.

Gerir uma escola é oportunizar o surgir de novas oportunidades para os estudantes e o gestor precisa ter uma conduta ilibada e responsável, tendo em vista a necessária transformação da realidade que se vive na atualidade no Brasil. Isso remete a dizer que tantos problemas como criminalidade, violência, os tentáculos do tráfico, dentre outros, podem ser combatidos a partir da necessária e imprescindível conscientização, a qual encontra respaldo nas ações educacionais. A escola precisa estar constantemente antenada com as questões sociais para servir como um elemento de transformação do meio e um gestor competente e voltado aos anseios da sociedade é o primeiro passo para a obtenção de bons e profícuos resultados.

Em virtude disso, percebe-se a necessidade dos pais e responsáveis, assim como os profissionais da educação, ou seja, toda a comunidade escolar, envolverem-se neste processo de escolha de diretores das escolas e CMEIs, tendo em vista a participação efetiva na formação intelectual das crianças e a construção de dias melhores na educação e em outros setores da sociedade.

Continuar lendo
Publicidade