conecte-se conosco

Editorial

Denúncia: arma do cidadão no combate ao crime

A cada dia aumenta a sensação de insegurança entre a população e isso se justifica pela crescente onda de crimes registrada em diferentes meios sociais.

Publicado

em

Existem vários meios para que a população possa denunciar ações criminosas, suspeitas ou indícios da possibilidade de ocorrência de um crime, seja ele qual for. Isso remete a afirmar que os cidadãos ocupam lugar de destaque no combate à criminalidade e podem agir como um elemento de grande importância para impedir a evolução nos índices criminais na contemporaneidade.

A cada dia aumenta a sensação de insegurança entre a população e isso se justifica pela crescente onda de crimes registrada em diferentes meios sociais. Percebe-se o aumento gradativo de ações ligadas ao tráfico, assim como homicídios, feminicídios, violência doméstica, o que inclui, infelizmente, atos que prejudicam o desenvolvimento de uma infância saudável.

As crianças são prioridade em todas as situações. A lei garante a proteção integral a esse público, no entanto, percebe-se dia após dia o avanço em notícias de pedofilia, maus-tratos, abandono dentre outros, o que atesta que algo está falhando no tratamento que a sociedade vem dando aos infantes e seus direitos.

Não é preciso procurar muito para encontrar notícias ligadas a alguns dos atos supracitados e o que precisa realmente ser feito é uma análise sobre a postura das pessoas diante de tais crimes, isto é, cada pessoa tem o dever de estar atento ao que acontece ao seu redor e ao identificar alguma situação de risco, sobretudo à criança, não titubear e denunciar às autoridades competentes para que medidas sejam adotadas em prol de resguardar o futuro desse menor que se encontra em risco. Em hipótese alguma as pessoas podem ser coniventes com ações criminosas. É preciso agir para favorecer, principalmente, os mais indefesos.

Assim, para que verdadeiramente seja possível se construir um ambiente melhor ao convívio de todos, faz-se necessário se investir em meios para conscientizar toda a população tendo em vista que as pessoas passem a assumir seu papel diante das mais diversas cenas cotidianas e se tornem fiscais com engajamento nas causas sociais, tendo em vista o favorecimento das parcelas mais indefesas das comunidades, as quais precisam de mais atenção e cuidados, no que se destaca o público infantil.

Denunciar é proteger e se irmanar às forças policiais para o real combate ao crime.

Continuar lendo
Publicidade

Em alta