Logotipo

31 de agosto de 2019

Avanço no tratamento do câncer no litoral

Somente os pacientes e as famílias que enfrentam o tratamento contra o câncer conhecem as dificuldades de lutar contra uma doença que, até pouco tempo atrás, apresentava poucas chances de recuperação. Hoje, com a tecnologia e os estudos aplicados na área da saúde, muitas pessoas passam por tratamento especializado e alcançam a cura do câncer, retornando a suas atividades de rotina.

Apesar do avanço dos recursos na medicina para devolver a qualidade de vida a esses pacientes, muitos brasileiros possuem dificuldades de acesso ao tratamento. As populações de regiões mais afastadas, muitas vezes, precisam viajar longas distâncias para chegar a grandes centros e ter o atendimento devido pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Os hospitais no Brasil evoluíram muito, alguns suprem a necessidade das regiões em que estão instalados e recebem investimentos importantes para continuar esse trabalho tão importante. Atualmente, o INCA (Instituto Nacional do Câncer) aponta a existência de 317 unidades e centros de assistência habilitados no tratamento do câncer. Todos os Estados brasileiros possuem ao menos um hospital habilitado em oncologia. A organização dos atendimentos é definida pelas secretarias estaduais e municipais de Saúde.

No litoral do Paraná, uma das referências em atendimento é o Hospital Erasto Gaertner, em Curitiba. Embora ofereça um trabalho de excelência na área de oncologia, os pacientes do litoral, algumas vezes debilitados, precisam se deslocar até a capital e esperar o dia todo para retornar a suas casas.

Porém, no ano que vem isso pode mudar para uma parcela dessas pessoas. A unidade avançada do Erasto Gaertner em Paranaguá já está sendo estruturada e as autoridades estão envolvidas com a causa, interessadas em entregar algo tão grandioso para pacientes e seus familiares.

Investimentos em saúde devem ser sempre umas das prioridades do Poder Público, tanto a nível municipal, estadual como nacional. Por isso, todas as notícias relacionadas ao tema precisam de atenção, é dinheiro público sendo aplicado em uma das maiores carências da população brasileira, uma verdadeira conquista para quem não possui condições financeiras de pagar pelo atendimento particular. Os pacientes que lutam diariamente contra o câncer agradecem.

Compartilhe

Colunistas