Connect with us

Economia

Supermercados têm expectativa alcançada com as vendas de Natal

Pesquisas apontam que o crescimento deve ser 6% maior que o observado no ano passado

Publicado

em

O Natal é a época mais esperada pelo comércio, período em que a oferta de produtos aumenta e os consumidores compram mais, devido ao recebimento do 13.º salário e dos gastos habituais de fim de ano. Para a Associação Paranaense de Supermercados (APRAS), os comerciantes estão otimistas com as vendas de fim de ano, em especial a de itens típicos da época, como panetones, vinhos, espumantes, chester, peru entre outros. A expectativa foi alcançada pelos supermercadistas e a tendência é o cenário melhorar ainda mais à medida que o Natal e o Ano-Novo se aproximam.

O setor afirma que o crescimento deve ser 6% maior que o observado no ano passado. “Este otimismo pode ser explicado por um conjunto de fatores, como a redução da inflação, a queda da taxa de desemprego, a liberação de saques do FGTS, o recebimento do décimo terceiro salário, além da proximidade com as festas de fim de ano, que aquecem naturalmente as vendas nesta época”, explicou a APRAS.

O setor afirma que o crescimento deve ser 6% maior que o observado no ano passado

Desta forma, os comerciantes também estão mais confiantes para realizar investimentos.

“As vendas neste fim de ano já devem sinalizar o ano que teremos em 2020. Caso as nossas expectativas de crescimento sejam atingidas, iniciaremos o ano com mais otimismo e prontos para realizar novos investimentos, o que vai gerar mais emprego e renda e ajudar o País a se recuperar economicamente”, afirmou a APRAS.

De acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), o Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC) apresentou o melhor resultado registrado no mês de outubro desde 2011.

RECUPERAÇÃO DA ECONOMIA

O Datacenso entrevistou comerciantes que afirmaram que 2019 foi um ano melhor que 2018. Os indicadores recentes da atividade econômica evidenciam que 2020 tende a ser ainda melhor devido ao início da recuperação da economia brasileira. Enquanto o crescimento de 2018 para 2019 foi de 0,92%, a taxa esperada de 2019 para 2020 é de 2,17%, mais que o dobro.

“O Grupo Datacenso traz pesquisas que comprovam o ânimo por parte do empresariado, que está alinhado com o novo momento econômico do País, e que agora está mais disposto a investir no País. Novos investimentos em produtos, serviços, tecnologias, inovações e ações que valorizem e promovam o ser humano serão o desafio para o próximo ano. É necessário unir e cooperar para construir uma marca e negócios mais sustentáveis a partir de agora”, destacou o CEO do Instituto Datacenso, Claudio Shimoyama. 

Os consumidores também estão retomando o ritmo de consumo, de acordo com a pesquisa de Intenção de Consumo das Famílias (ICF), elaborada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). “Esse foi o melhor mês de novembro dos últimos cinco anos e reforça a ideia de que a economia está melhorando e as famílias estão mais entusiasmadas com as compras”, afirmou Shimoyama.

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.