Connect with us

Direito & Justiça

Acusados de assassinar filho de empresário vão a júri popular hoje

Tribunal do Júri acontece no Fórum de Paranaguá, localizado na Avenida Gabriel de Lara.

Publicado

em

Na quarta-feira, 17, a partir das 9h, acontece no Fórum de Justiça de Paranaguá o julgamento de dois homens acusados do homicídio de Rodrigo de Oliveira da Silva, filho de um empresário de Paranaguá, em crime ocorrido em abril de 2016. Na ocasião, a vítima foi assassinada com três tiros na nuca e na cabeça.

Os dois acusados do crime, Herique Mendes Alves e Fernando Lopes Gonçalves, serão julgados pelo Tribunal do Júri. O julgamento deve ter grande repercussão em virtude do número de testemunhas a serem ouvidas e pelo caso ter ocorrido há cerca de dois anos em Paranaguá, mobilizando a sociedade.

TRIBUNAL DO JÚRI

Foto: Ilustração

Irão compor o Tribunal do Júri a Juíza Presidente, Cíntia Graeff, o promotor de Justiça, Rodrigo Otavio Mazur Casagrande e o assistente da acusação, o advogado Giordano Sadday Vilarinho Reinert, o advogado do réu Herique Alves, Felipe Strapasson e o advogado do acusado Fernando Gonçalves, Werner Kovaltchuk. O julgamento está marcado para iniciar às 9h de quarta-feira, 17, podendo ser estendido até a quinta-feira, 18.

PROCESSO

O processo, protocolado sob o n.º 0004307-21.2016.8.16.0129 pelo Poder Judiciário do Estado do Paraná, afirma que os acusados foram pronunciados ao julgamento pelo crime de homicídio, previsto no artigo 121 do Código Penal, por motivo fútil e por recurso que dificultou a defesa da vítima, previstos no parágrafo 2.º em seus incisos II e IV.

O julgamento decidirá o destino dos dois acusados, tanto o tido como responsável pelos disparos de arma de fogo, Herique Mendes Alves, quanto o suspeito de ter sido cúmplice e conduzido a motocicleta, Fernando Lopes Gonçalves, o qual estava com o acusado Herique Alves.

RELEMBRE O CASO

Foto: Arquivo Folha do Litoral News

O assassinato de Rodrigo Oliveira da Silva aconteceu no dia 21 de abril de 2016. A vítima teria se desentendido dentro de uma casa de shows de Paranaguá com Herique Alves, que após a saída do local teria procurado o rapaz junto com Fernando, ou seja, ambos que posteriormente foram acusados pelo crime.

A dupla encontrou Rodrigo, a vítima, na Rua Alípio dos Santos, na Vila Rute, por volta das 6h, quando ele estava junto a um amigo em um Fiat Strada deixando uma moça na casa onde ela residia. No local, houve o "acerto de contas", quando os acusados chegaram de motocicleta e desceram no local, onde Herique efetuou vários disparos contra Rodrigo, com três acertando sua cabeça e nuca, vindo ele a óbito no local. Na época, houve também a suspeita do homicídio ter ocorrido por motivos passionais.

Rodrigo, que foi assassinado, era filho de Ricarte Siqueira da Silva, proprietário de uma empresa de locação de empilhadeiras e considerado por todos que o conheciam um rapaz tranquilo.

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.