Logotipo

Semana do Patrimônio Cultural: Paranaguá recebe eventos do Iphan

16 de agosto de 2019

O Fandango Caiçara - registrado pelo Iphan em novembro de 2012 é uma expressão musical-coreográfica-poética e festiva.

Compartilhe

O município de Paranaguá (PR), recebe, nos dias 17 e 18 de agosto, eventos especiais relacionados à Semana do Patrimônio Cultural. A iniciativa é do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), que também realiza ações em outros estados.

No dia 17 de agosto, Dia do Patrimônio Cultural – em homenagem ao nascimento do primeiro presidente do Iphan, Rodrigo Melo Franco de Andrade, a Praça da Matriz Cyro Abalem, na Ilha dos Valadares, recebe cerimônia de premiação pública e entrega de homenagens aos mestres e grupos vencedores da ação Fandango Caiçara, Patrimônio Cultural do Brasil. A iniciativa tem como objetivo reconhecer e valorizar as representações simbólicas do bem cultural registrado, por meio da premiação de Mestres e Mestras do Paraná e de São Paulo cuja trajetória de vida tenha contribuído de maneira fundamental para a transmissão e continuidade do Fandango Caiçara. Também serão premiados grupos cuja trajetória e atuação contribuam de forma exemplar para a valorização, difusão e transmissão do bem cultural às novas gerações.

A premiação, que será entregue pelo diretor do Departamento do Patrimônio Imaterial do Iphan, Hermano Queiroz, atende às diretrizes de ações estabelecidas no âmbito da elaboração do Plano de Salvaguarda do Fandango Caiçara que, dentre outras ações, visa identificar, valorizar e dar visibilidade às atividades e às estratégias de preservação das identidades culturais dos protagonistas desta forma de expressão.

Já no dia 18 de agosto, a Associação de Cultura Popular Mandicuera entregará ao diretor do DPI-Iphan o pedido de registro a Patrimônio Cultural do Brasil da Romaria do Divino.

Patrimônio Cultural do Brasil

O Fandango Caiçara - registrado pelo Iphan em novembro de 2012 - é uma expressão musical-coreográfica-poética e festiva, cuja área de ocorrência abrange o litoral sul do Estado de São Paulo e o litoral norte do Estado do Paraná. Possui uma estrutura bastante complexa e se define em um conjunto de práticas que perpassam o trabalho, o divertimento, a religiosidade, a música e a dança, prestígios e rivalidades, saberes e fazeres. Ele se classifica em batido e bailado ou valsado, cujas diferenças se definem pelos instrumentos utilizados, pela estrutura musical, pelos versos e toques.

Serviço

Premiação dos vencedores da ação Fandango Caiçara, Patrimônio Cultural do Brasil

Data: 17 de agosto de 2019, às 19h

Local: Praça da Matriz Cyro Abalem, Ilha dos Valadares – Paranaguá (PR)

Entrega do Dossiê da Romaria do Divino

Data: 18 de agosto de 2019, às 12h30

Local: Praça da Matriz Cyro Abalem, Ilha dos Valadares – Paranaguá (PR)

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Iphan

 


Colunistas