Connect with us

Valmir Gomes

CEM DIAS SEM FUTEBOL

Caríssimos leitores, batemos um recorde histórico, mais de três meses sem uma única partida de futebol oficial.

Publicado

em

Caríssimos leitores, batemos um recorde histórico, mais de três meses sem uma única partida de futebol oficial, isto mesmo, parece mentira no País do futebol, meses sem futebol. Nem no mais interessante filme de ficção, poderíamos imaginar um fato como este. Se alguém escrevesse um ensaio parecido, não dariam bola (me desculpem o trocadilho). Gente, mais de três meses, sem um drible, sem um chute a gol, sem um escanteio, sem chamar o juiz de filha da mãe, sem chamar o técnico de burro, sem vaiar a substituição, sem jogar um sapato no campo, sem vibrar com o golaço do seu time. Sem nada. Apenas lembranças de jogos passados. Paramos no tempo, fato improvável no imaginário de qualquer pessoa. Os homens tristes, as mulheres nem tanto, agora podem ver suas novelas ao natural, sem concorrência do esporte mais popular do mundo. Até eu virei torcedor de novelas, em Totalmente Demais torço para o sucesso da Eliza, em Fina Estampa pela desgraça da Tereza Cristina.

DUPLA FALTA

Dias atrás contrariando o bom senso, o tenista número um do mundo Novak Djokovic, patrocinou um torneio de tênis em Belgrado na sua Sérvia. O saldo foram muitos infectados com Covid-19, inclusive o próprio Djokovic. Reconhecendo o erro o tenista número 1 do Mundo declarou. “Estávamos errados, era cedo demais para fazer um torneio.” Em cima desta declaração de culpa do Novak Djokovic, o nosso tenista Fernando Meligeni retrucou. “Djokovic cometeu sua pior dupla falta.” Mas não digo porque mais não é preciso.

LIVE COM ROBSON E RAPHAEL

Como sabem não me dou bem com os modismos da Internet e seus tentáculos, coisas da idade. Porém, aceitando convite do amigo Raphael Biazetto da NB Futebol, fiz uma Live com ele e o meu filho Robson Gomes. Gostei da brincadeira, os amigos participaram de maneira gentil, Raphael foi carinhoso conosco dirigindo a Live, enquanto Robson deu aula de futebol em plena pandemia, eu contei histórias da bola e da vida.  Confesso: foi melhor do que esperava.

DEPRESSÃO DO VICTOR

Muita gente pensa que depressão é uma frescura de gente rica, falam até que pobre nunca tem depressão. Ledo engano, a depressão não escolhe pessoas por sua capacidade financeira, ela atinge pobres e ricos sem exceção. O cantor e compositor Victor Chaves, da dupla Victor e Léo, com sucesso no Brasil inteiro, está depressivo há meses. Numa discussão com sua esposa, acabou se separando, numa discussão com seu irmão, acabou desfazendo a dupla. Sozinho caiu em depressão. Vive isolado na sua fazenda, em tratamento. Uma reflexão sobre a sua carreira artística e a sua vida familiar, merecem espaço no seu isolamento. Espero que Victor se recupere e volte humilde como os sábios.

OS GOLPES NA PANDEMIA

Gente em plena pandemia, os amigos do alheio, se aproveitam para enganar as pessoas já fragilizadas pelo momento em que vivemos. Se dirigem a todos, principalmente os aposentados, em busca do dinheiro fácil, com seus golpes e tramoias. Por favor aconselhem seus familiares, nada de atender desconhecidos por telefone, muito menos dar detalhes da sua vida pessoal. Um aviso em prol da segurança pessoal.

MOMENTO DECISIVO

Estamos todos no mesmo barco em relação à Covid-19, acreditem ou não, obedeçam às autoridades médicas e políticas da sua região.

Precisamos de cautela neste momento decisivo da pandemia. Unidos e obedientes, venceremos esta tempestade. Creiam.

VERDADE

“E guardemos a certeza, pelas próprias dificuldades já superadas, que não há mal que dure para sempre”, Médium Chico Xavier.