conecte-se conosco

Coluna do Guru

O Feiticeiro

Um dia anos atrás, o então repórter e hoje grande colunista da Tribuna do Paraná Dr. Augusto Mafuz, apelidou o vitorioso parnanguara João Hélio Alves de feiticeiro

Publicado

em

Um dia anos atrás, o então repórter e hoje grande colunista da Tribuna do Paraná Dr. Augusto Mafuz, apelidou o vitorioso parnanguara João Hélio Alves de feiticeiro. Uma homenagem ao grande técnico e supervisor do futebol paranaense. Hoje temos outro Feiticeiro no nosso futebol, se trata do técnico Luis Felipe Scolari, um campeão da bola.

Senão vejamos o Felipão pegou um time em baixa, desacreditado pela torcida e em formação. Que não vinha jogando bem e muito menos vencendo seus jogos. Daí sem tempo para treinar e sem conhecer o grupo, o Felipão com sua maneira peculiar de comandar, transformou o CAP num time de consecutivas vitórias. Hoje é um dos quatro melhores do brasileirão, disputa da Copa Brasil com vantagem no jogo da volta, e recebe o Libertad do Paraguai pela Libertadores da América esta noite na Arena. Convenhamos sua equipe nem sempre joga bem, e mesmo jogando mal, vide Atletiba, consegue bons resultados. Um feiticeiro, um bruxo, seja lá o que for, tal como o falecido Hélio Alves, um grande gestor de grupo no futebol. Um vencedor.

SINAL DE ALERTA

O Coritiba além de não jogar bem contra o Internacional, ainda perdeu de goleada, fato que desestabiliza o grupo. Diz o ditado popular, um grande time começa por um bom goleiro. As mudanças na meta do coxa provocam dúvidas e insegurança. A meia cancha só tem Willians como homem de marcação, aí estoura na defesa! Os atacantes estão órfãos de oportunidades de gol. Enfim, o time precisa ser revisto. Quem sabe mais um homem de marcação no meio, quem sabe mudanças de comportamento tático. Seja como for, precisa de alguma novidade, reforços. Contra o Fortaleza e o Juventude em casa, tem que pontuar, são concorrentes direto. A torcida ajuda e muito, porém não joga. O sinal de alerta está ligado.

TOURADA

Neste final de semana lá longe na Colômbia, houve mais uma tradicional tourada, um antigo duelo entre o touro e o toureiro. Normalmente com a morte do touro, claro, existe exceção, às vezes quem morre é o toureiro. O público se diverte nas arquibancadas, as touradas de Madrid foram famosas pelo mundo inteiro. Até música teve. Voltando ao fim de semana, as arquibancadas da tourada desmoronaram e muita gente ficou ferida com algumas mortes. Uma lástima. O local da tourada é outra lástima. Gente eu imaginava que não existissem mais touradas, afinal vivemos outros tempos. O local o touro o toureiro o público, tudo sem a menor segurança. Um triste espetáculo.

LIBERTADORES

Gente nesta terça feira tem duelos para todos os gostos pela Copa Libertadores da América, senão vejamos. CAP X Libertad do Paraguai as 21,30 horas na Arena, jogo de muita responsabilidade para o time do Felipão. É hora de jogar bem melhor do que vem jogando, para conquistar a vitória com alguma vantagem para o jogo da volta. Outro jogaço por ser entre duas equipes de grande popularidade, Corinthians X Boca Juniors, tem também o Palmeiras X Cerro Porteño, o Tolima recebe o Flamengo, e por aí vai. Uma noite de gala para o futebol sul-americano.

HOMENAGENS EM VIDA

Gente, sabem porque eu faço seguidas colunas homenageando pessoas vivas? Porque sou daqueles que acham homenagem em vida, um reconhecimento às virtudes das pessoas. Dou exemplo, reconhecer o trabalho sempre muito bem feito do radialista e narrador Elisio Junior ou do Tiago Batista um senhor comentarista, é apenas ressaltar suas virtudes. As pessoas não são boas apenas quando morrem, todos temos virtudes em vida, e todos apreciam ser reconhecidas estas virtudes. Boa semana, minha gente querida.

Continuar lendo
Publicidade