conecte-se conosco

Cidadania

Programa “É doando que se vive” é aprovado na Câmara de Vereadores

Projeto passa a vigorar como uma política pública de Paranaguá

Publicado

em

O programa de conscientização para a doação de órgãos “É doando que se vive”, organizado e divulgado nas escolas municipais, por meio de uma campanha da Prefeitura de Paranaguá e do Ministério Público, foi aprovado na Câmara de Vereadores e, agora, segue para a sanção do prefeito Marcelo Roque.

A promotora do Ministério Público, Camila Adami; a secretária municipal de Educação, Vandecy Dutra; e a superintendente da Semedi, Ana Paula Loiola Falanga, comemoraram o alcance do projeto (foto: divulgação)

A proposta é que projeto seja apresentado nas escolas do município para alunos do 3.º ao 5.º ano, discutindo sobre o assunto em uma linguagem apropriada. O projeto de Lei, ainda prevê, a escolha de uma data em comemoração à campanha.

Durante os meses de setembro e outubro, as escolas municipais da cidade têm recebido o programa. A iniciativa visa à conscientização dos alunos em relação ao assunto. Durante a apresentação, de modo bem lúdico, os alunos são desafiados a espalhar essa ideia e falar sobre a importância da doação de órgãos para os colegas e familiares.

“A ideia do programa foi do Ministério Público, mas quem abraçou a causa foram as secretarias de Comunicação, Educação e Saúde, e por fim, o apoio da Câmara e dos vereadores para esse projeto virar lei e pudesse ser transformada em política pública para que seja eternizada no currículo escolar municipal”, apontou a promotora do Ministério Público, Camila Adami.

A secretária de Educação, Vandecy Dutra, destacou as ações realizadas durante a campanha. “São ações maravilhosas através do projeto. As crianças foram às ruas, fizeram passeatas, fizeram passeios de bicicletas, abraçaram as pessoas, criaram seus mascotes. Então o projeto superou nossas expectativas e agora se tornou uma política pública, então a gente está satisfeito”, concluiu a secretária.

Projeto de Lei prevê a escolha de uma data em comemoração à campanha(Foto: Divulgação)

“Será muito importante para que possamos salvar muitas vidas, com os poderes trabalhando em sintonia e em conjunto e quando tem a união dos representantes do Poder Executivo, Legislativo e do Ministério Público, fica muito mais fácil se chegar a resultado”, afirmou o presidente da Câmara Municipal, Waldir Leite.

 

Fonte: Divulgação“É doando que se vive”

Continuar lendo
Publicidade