Connect with us

Cidadania

Histórias de superação marcam a 6.ª Corrida e Caminhada contra o Câncer

Evento tradicional do Outubro Rosa alertou sobre a importância da atividade física e prevenção do câncer de mama

Publicado

em

Mais de 450 pessoas acordaram cedo no domingo, 27, para participar da 6.ª edição da Caminhada e Corrida contra o Câncer, em Paranaguá. A Avenida Coronel José Lobo foi palco para momentos de superação e incentivo do público aos participantes que aceitaram o desafio.

Durante todo o percurso de cinco quilômetros de prova, os participantes receberam suporte e acompanhamento de diversas secretarias municipais, apoiadas pela Prefeitura de Paranaguá e pela organização do evento.

O evento arrecadou fundos para o Instituto Peito Aberto e a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Paranaguá. As duas entidades atuam no apoio aos pacientes que fazem tratamento da doença.

Organizadoras do evento, Carla Mendes Costa e Luciana Picanço, agradeceram a todos os apoiadores 

Luciana Picanço, uma das organizadoras do evento, agradeceu os participantes, apoiadores, prefeitura e todos que se envolveram de alguma forma com a ação.

“Ajudamos durante seis anos o Instituto Peito Aberto. A Corrida e Caminhada Contra o Câncer ajudou a estruturar essa Instituição e fez que ela ficasse conhecida por várias empresas que hoje também os apoiam e pela população. Desde 2018 esse projeto ajuda também a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Paranaguá. Instituição que existe no município a mais de 50 anos e que muita gente não conhecia. Tenho certeza de que alcançamos nosso objetivo mais uma vez”, afirmou Luciana.

SUPERAÇÃO

A diretora executiva do Instituto Peito Aberto, Fabiana Parro (à direita na foto), afirmou que a corrida, mais uma vez, superou as expectativas. “Teve um gostinho especial para nós do Instituto porque tivemos oito pacientes inscritas na corrida. Elas se prepararam durante esse ano para superar seus próprios limites e venceram mais uma vez ao passarem por aquela linha de chegada. Para nós, que as acompanhamos desde o momento em que elas receberam o diagnóstico, tratamento, medo do desconhecido, medo da morte, enfim e ver a alegria delas chegando, foi realmente emocionante. São momentos como esses que fazem a gente seguir em frente e tentar transformar dor em amor ao próximo”, afirmou Fabiana.

“A corrida renovou ainda mais minha vontade de lutar pela minha saúde”, revelou Liliane Maria Pereira Oliveira da Silva, que venceu o câncer há três meses

LIÇÕES DE VIDA

Durante a corrida, houve várias histórias de vida, superação e garra de mulheres que não se deixaram abater pelas dificuldades apresentadas pela vida. É o caso de Liliane Maria Pereira Oliveira da Silva, de 42 anos, que terminou o tratamento contra o câncer de mama há cerca de três meses e encontrou na corrida uma motivação a mais para enfrentar os obstáculos. Prova disso foi ter alcançado a primeira colocação na categoria paciente.

“Iniciei o treino em março deste ano, quando começou o projeto de corrida no Instituto Peito Aberto, desde então participo dos treinos com a professora Daniela Kleinhans. Sou ex-paciente, já terminei o tratamento e agora faço somente acompanhamentos. Retirei a mama esquerda e os linfonódulos. O Instituto fará parte da minha vida para sempre. A corrida renovou ainda mais minha vontade de lutar pela minha saúde. Saber que consegui é incrível”, destacou Liliane.

“Foi muito emocionante, sensação de vitória. Eu venci o câncer e estou viva”, comemorou Joyce Moreira Mendes

Na edição do ano passado, Joyce Moreira Mendes, de 36 anos, estava na plateia do evento, recém-operada do câncer e careca. Um ano depois, no domingo, ela participou e concluiu os 5 km de corrida. De início, achou que não conseguiria completar a prova, mas no seu tempo venceu mais este desafio.

“Não estava preparada condicionalmente, mas minha amiga me falou que se eu venci um câncer, por que não venceria essa corrida? Então decidi correr assim mesmo, confesso que foi um grande desafio, mas não pensei em momento algum em desistir. Graças a Deus consegui concluir, neste ano eu participei e para mim não importava o tempo que eu terminasse e sim completar toda a prova. Foi muito emocionante, sensação de vitória, de eu venci o câncer e estou viva”, descreveu Joyce.

Regiane Bernardo de Oliveira, de 34 anos, teve paralisia cerebral e foi um dos exemplos de força de vontade ao concluir sua primeira corrida de 5 km ao lado de sua treinadora e equipe. Foto: Marcio Gomes

PERSISTÊNCIA

A corrida também foi uma conquista para Regiane Bernardo de Oliveira, de 34 anos, que teve paralisia cerebral por falta de oxigenação no momento do parto e correu pela primeira vez no evento. “A minha superação veio de um trabalho que realizei com a Patrícia França (treinadora), mas também pela minha força de vontade de querer alcançar os meus objetivos. Treinei por um ano, mas declaro que não foi fácil e fui participar para mostrar à sociedade do que somos capazes. Sou grata a Deus e à academia que frequento, que abriu as portas para pessoas que têm algum tipo de deficiência”, relatou Regiane.

O evento contou ainda com apresentação de dança da professora Danielle Nunes, além de coral de crianças através da Língua Brasileira de Sinais com mensagens de superação e amor, ensaiada pela professora Gisele Cuch. O evento foi encerrado com a entrega de troféus aos participantes através de categorias separadas por idade no feminino e masculino, premiação geral feminino e masculino e para pacientes oncológicos.

Prefeito de Paranaguá, Marcelo Roque, esteve presente no evento com a equipe das secretarias de Cultura e Turismo e Segurança e com a primeira-dama, Amanda Roque, junto ao projeto Patas do Bem. Foto: Prefeitura de Paranaguá

AUTORIDADES

O prefeito Marcelo Roque ressaltou a importância da participação da comunidade para a conscientização em torno da questão. “A ação visa a chamar a atenção para a conscientização sobre o câncer de mama. Toda a estrutura do evento foi cedida pela prefeitura, que em 2018, inseriu o evento no Calendário Oficial”, destacou.

A Secretaria Municipal de Segurança Pública (Semseg), por meio da Superintendência Municipal de Trânsito (Sumtran), colocou guardas municipais para auxiliar na segurança dos competidores. Além do apoio do Poder Público, academias e outras instituições ligadas à saúde e nutrição estiveram no evento oferecendo apoio aos participantes. O Jornal Folha do Litoral News foi um dos apoiadores do evento.

Fotos: Folha do Litoral News e Marcio Gomes/Divulgação

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.