Logotipo

Dona Milene: 93 anos e muito amor ao samba

02 de março de 2019

Dona Milene Gomes é a matriarca do Carnaval parnanguara com 94 anos

Compartilhe

Presidente da Acadêmicos do Litoral participa do Carnaval de Paranaguá desde 1945 

Dona Milene Gomes é chamada com carinho pelos presidentes das agremiações como “matriarca do samba ou embaixadora do Carnaval parnanguara”. Prestes a completar 94 anos, ela assume com vitalidade seu papel como presidente da escola de samba que ela fundou no início da década de 70, o Acadêmicos do Litoral. 

Dona Milene nasceu em abril de 1925 no interior de Santa Catarina. Nasceu no meio do samba, como ela conta, porque seus pais eram sambistas. Mas para a sorte do Carnaval de Paranaguá ela veio morar no litoral paranaense, pois seu marido buscava melhores condições de trabalho.  É sobre sua trajetória no Carnaval que ela fala nesta entrevista. Confira: 

Folha do Litoral News - Como iniciou seu envolvimento com o Carnaval parnanguara?

Dona Milene  -  Eu vim de Laguna, em Santa Catarina. Lá eu trabalhava na plantação de café. Cheguei aqui na metade dos anos 40, e de imediato me envolvi com as Escolas de Samba. Encontrei em Paranaguá muitas pessoas que assim como eu também são apaixonadas pelo Carnaval.  Meu primeiro amor foi o “Império do Samba” e mais tarde os “Arrumadores”, que foi fundada pelo meu marido Pedro Gomes (falecido). O Império desfilou até os anos 60 e eu participava fazendo a ala das baianas. Fazia todo o bordado à mão. 

Folha do Litoral News – Como surgiu o Acadêmicos do Litoral?

Dona Milene – Parte da diretoria dos Arrumadores e do Império se juntaram e fundaram em 1973 o Acadêmicos do Litoral. Foi minha ideia colocar na escola as cores verde e rosa porque sou mangueirense de coração. O Acadêmicos surgiu grande, tanto é que temos mais de 15 títulos. Na época tivemos muita colaboração das autoridades e do povo. Hoje, minha família mantém viva a tradição.  Toda a família está na escola, desfilando, tocando na bateria ou ajudando de alguma forma.

Folha do Litoral News  - Teve algum desfile que marcou mais a sua história? 

Dona Milene – Me lembro de muitos desfiles, pois a cada ano é uma emoção diferente, mas eu fiquei muito emocionada quando o enredo foi  “A guerreira do ano 2000”. Eu não era presidente naquele ano. Quem estava na presidência era o falecido Nelsinho. O samba foi criado por Luci Tavares e sacudiu a avenida dizendo: “a menina chegou, com muita paz e muito amor, sua vida é um livro aberto, seu passado tem valor...”. Fiquei muito feliz por ser homenageada em vida, foi emocionante, assim como todos os desfiles, sempre tem um fato para sorrir e outro para chorar. 

Folha do Litoral News – A senhora já foi homenageada em outros desfiles também. Conte como foi.

Dona Milene – Várias vezes. Um dos grandes momentos do Carnaval para mim faz pouco tempo, em 2011, quando o Acadêmicos do Litoral trouxe para a avenida o enredo “Reino dos Espelhos”. Fui destaque no último carro alegórico com a frase ‘Dona Milene, reflexo do Carnaval paranaense. Uma lição de Vida’. Foi um momento lindo, mas eu sempre preferi ir no chão sambando. Gosto de sentir o povo mais de perto. Nos últimos anos tenho desfilado no carro porque minhas pernas não me ajudam mais. Enquanto eu estiver viva quero estar na avenida. Sou feliz com paz no coração. Nasci no samba, me criei no samba e vou morrer no samba. O samba é minha vida e a ala das baianas é o meu coração. 

Folha do Litoral News – Como vai ser o desfile do Acadêmicos deste ano?

Dona Milene – A escola vem linda com muito brilho e muito luxo. O povo quer ver luxo na avenida e muita alegria e isso podem esperar da nossa escola. O enredo é “Vem festejar as festas populares da Cidade Mãe do Paraná, com a Mãe Verde e Rosa Dona Milene”. O desfile vai mostrar as nossas festas. Desde o Carnaval até a festa do Rocio. Eu na minha vida toda sempre participei das festas com barracas de comidas. Sempre valorizei as coisas da minha cidade por isso que sempre colocamos um enredo que fala de Paranaguá. Acadêmicos vem grande pra avenida, vem pra ganhar o Carnaval. Nossas fantasias já estão todas prontas faz três semanas. Nesses últimos dias acabamos de fazer os destaques. Nossa bateria esta maravilhosa e nessa semana ensaiamos até com chuva. O amor pelo Carnaval está acima de tudo. É esse amor que vamos levar para a avenida. 
 

Com uma vida ligada ao Carnaval, dona Milene está pronta para mais um desfile em Paranaguá
 

Colunistas