Connect with us

ADI Paraná

Vergonhosa

O deputado Luiz Fernando Guerra (PSL) considerou vergonhosa a condição da PR-280.

Publicado

em

Vergonhosa, disse o deputado Luiz Fernando Guerra (PSL) sobre a condição da PR-280, principal rodovia do Sudoeste. Além da indignação, Guerra cobrou por obras emergenciais nos 260 quilômetros da rodovia. "Uma rodovia que deveria ser artéria vital para o desenvolvimento do Paraná se transformou num dos maiores obstáculos para a região sudoeste”, disse.

Rodovia da morte

A PR-280, conhecida como Rodovia da Morte, é o acesso de 40 cidades e ainda sofre com as más condições de conservação. Todos os dias, mais de 8 mil veículos trafegam pela rodovia – 20% deles, caminhões. “Há mais de 30 anos, a população pede a duplicação ou, ao menos, a revitalização da PR-280. Já fizemos inúmeras reuniões com o Estado para cobrar obras emergenciais. Não podemos mais permitir que vidas sejam ceifadas”, completou Guerra.

 

Extinção da cota

O projeto de lei da deputada Renata Abreu (Pode-SP) prevê a extinção da reserva 30% de candidaturas femininas, conforme consta na atual lei eleitoral. O texto mantém a previsão de no máximo 70% de candidaturas de um mesmo sexo, mas permite que as vagas restantes, se não forem preenchidas com candidatos de sexo diverso, fiquem vazias. O projeto acrescenta outro artigo estabelecendo que os partidos destinem às campanhas eleitorais recursos do fundo eleitoral de forma proporcional ao percentual efetivo de candidaturas de cada sexo.

 

Robô oferece notícias

Ter um robô como amigo no WhatsApp já é uma opção para quem mora em Curitiba. Serviço de mensagens criado pela prefeitura oferece notícias dos bairros, dicas de saúde, alimentação e informações sobre feiras de rua. O serviço é oferecido desde o final do ano passado: basta adicionar um número aos contatos do celular e enviar um “olá” pelo aplicativo. O robô responde com algumas opções, em texto, que incluem o envio de notícias semanais sobre o bairro em que a pessoa mora.

 

Novo ciclo

Pesquisa encomendada pela Itaipu Binacional aponta que a segunda ponte entre Brasil e Paraguai representará um novo ciclo econômico para Foz do Iguaçu e região. Das 800 pessoas entrevistadas, 84% acreditam que a segunda ponte fomentará o desenvolvimento local e regional. Boa parte atribui essa confiança à gestão do general Silva e Luna frente à direção da binacional. Dos entrevistados, 33% têm certeza de que a obra vai sair e outros 42% têm ainda alguma dúvida. Outros 24% terão certeza apenas quando a construção tiver início. 

 

Pagamento digital

Seis em cada dez brasileiros das classes A, B e C utilizam meios digitais de pagamentos como aplicativos, canais de pagamento de contas, compras e transação pela Internet. A informação é do estudo sobre mudanças nos hábitos de consumo de serviços financeiros diante das novas tecnologias elaborado pela IDC que entrevistou mais de mil pessoas, de classes média e alta, em três dos maiores países da América Latina: Brasil, Colômbia e México.

Endividadas
O percentual de famílias endividadas no país cresceu de 64% em junho para 64,1% em julho. Segundo pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo é a sétima alta consecutiva do indicador. O percentual de endividados, ou seja, de pessoas que têm dívidas em atraso ou não, também cresceu na comparação com julho do ano passado, quando a proporção era de 59,6% das famílias. 

 

Quebra democrática

O Itamaraty advertiu contra a "quebra da ordem democrática" no Paraguai e menciona "inteira convergência" entre os presidentes Jair Bolsonaro e Mario Abdo Benítez, ameaçado de impeachment por causa de um acordo com o Brasil no qual admitiu aumentar o preço pago pelos paraguaios pela energia da binacional Itaipu. Benitez já anulou o acordo feito com o Brasil.

 

Gleisi sem espaço

O ex-presidente Lula já reflete que a permanência da deputada Gleisi Hoffmann na presidência do PT deve rachar o partido. O senador Jaques Wagner (BA) e o ex-prefeito Fernando Haddad (SP) podem presidir o partido com as bênçãos de Lula.

Cigarro paraguaio

"Temos que ter um modelo tributário capaz de neutralizar o preço do cigarro paraguaio no Brasil e é preciso que, enfim, tenhamos uma conversa séria com o Paraguai – que é parceiro do Brasil no Mercosul e na exploração de energia elétrica de Itaipu – para dizer que isso é inadmissível" – do ex-secretário da Receita Federal, Everardo Maciel, consultor tributário, professor do Instituto Brasiliense de Direito Público.

 

Bolsonaro e Barros

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) alterou a composição da Comissão dos Desaparecidos Políticos e incluiu o deputado paranaense Filipe Barros (PSL) na comissão. Barros, do mesmo partido de Bolsonaro, é fiel aliado na Câmara dos Deputados e entra no lugar de Paulo Roberto Severo Pimenta.

 

Da Redação ADI-PR Curitiba

Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.