Connect with us

ADI Paraná

Portal da Alep

As mudanças são para atender às plataformas digitais (notebooks, celulares e tabletes).

Publicado

em

A Assembleia Legislativa estreou um portal que "ficou muito mais fácil para acompanhar, até pelo celular, o trabalho dos deputados e fiscalizar onde é aplicado o dinheiro público”, disse o presidente e deputado Ademar Traiano (PSDB). As mudanças são para atender às plataformas digitais (notebooks, celulares e tabletes). A barra de rolagem ficou mais curta e o acesso às matérias, fotos e à pesquisa legislativa de projetos e leis estaduais são feitos na primeira tela, com apenas um clique.

Protagonismo
“A Assembleia assume o protagonismo no aprimoramento da administração pública ao implantar total transparência, uma comunicação inovadora e um rigoroso controle de gastos. O novo Portal chega para complementar esse trabalho”, disse o 1.º secretário e deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB).

Como funciona

Já ao abrir o site, as transmissões ao vivo das sessões plenárias aparecem. As principais notícias do dia estão listadas junto com as imagens. A busca pelos perfis dos deputados tem nomes e fotos. Nesse espaço pode-se acompanhar, em vídeo, os pronunciamentos dos deputados durante as sessões plenárias, bem como ter acesso às fotos, às leis criadas por eles e também às notícias relativas ao parlamentar produzidas diariamente.

Redes sociais

Os links para as redes sociais (Facebook, Twitter, Instagram e Flickr) e para o aplicativo Agora é Lei, com mais de 16 mil downloads, também estão na tela principal. Os podcasts de notícias podem ser acompanhados diariamente, além dos projetos especiais como o Assembleia no Enem, com mais de 500 vídeo aulas e o Geração Atitude, com a programação da caravana que espalha cidadania pelo Paraná.

Equipamentos
A bancada paranaense, coordenada pelo deputado Toninho Wandscheer (Pros), entregou os primeiros 58 equipamentos – 42 retroescavadeiras e 16 escavadeiras pequenas – para melhorias de infraestrutura de 53 cidades.  Os recursos de R$ 15 milhões são do Ministério da Integração Nacional.

Gramadão

Um dos espaços de lazer mais frequentados em Foz do Iguaçu, o Gramadão da Vila A, com 31 mil metros quadrados de área, será revitalizado pela Itaipu Binacional. A reforma começa no segundo semestre do ano que vem e o investimento é de R$ 2,6 milhões. 

Agradece
A Santa Casa de Misericórdia de Curitiba agradeceu os deputados Delegado Francischini (PSL) e Felipe Francischini (PSL) pelo repasse de R$ 300 mil em emendas federais para manutenção em hospital.

Segunda instância

Projeto do deputado Sérgio Souza (MDB) já prevê a prisão em segunda instância desde 2016. O parlamentar afirma que desde 2016 trabalha para aprovar um projeto que modifica o Código de Processo Penal. O projeto de lei autoriza os tribunais federais a “determinar, de imediato, a execução provisória de acórdão condenatório proferido em apelação, mesmo que sujeito a recurso especial ou extraordinário”.

Combate à corrupção

O deputado Filipe Barros (PSL) acompanhou a apresentação do ministro Sergio Moro da reestruturação da Divisão de Combate à Corrupção do Ministério da Justiça e Segurança. No Paraná serão cinco núcleos – Curitiba, Foz do Iguaçu, Cascavel, Maringá e Londrina que terão o efetivo de 50 policiais cada. Felipe Barros confirmou uma emenda de R$1,5 milhão para a instalação da divisão.

Cidades digitais

Cascavel sedia amanhã (quarta-feira, 20) e quinta-feira, 21, o 7.º Congresso Paranaense de Cidades Digitais. O encontro é direcionado a prefeitos, gestores públicos e vereadores interessados em inovação e na promoção do desenvolvimento socioeconômico a partir de investimentos em tecnologia. 

Candidato
O presidente do MDB do Paraná, João Arruda, adianta que o ex-vereador Julio Kúller será o candidato do partido a prefeito de Ponta Grossa.

Refis
A prefeitura de Maringá arrecadou R$ 34,7 milhões referentes a negociação de débitos tributários através do Refis. Inciado em junho, foram 3.308 contratos assinados e os valores ultrapassam os R$ 21 milhões da última edição em 2005. Quem ainda não negociou suas dívidas com o município tem até o dia 2 de dezembro para aderir o Refis.

Hospital da Criança

O Estado liberou R$ 25 milhões para a continuidade das obras do Hospital da Criança de Maringá. Serão 160 leitos – além de um Centro de Pesquisa de Doenças Raras – com cobertura de 21 especialidades como oncologia, ortopedia, cardiologia, gastroenterologia, endocrinologia. O hospital vai ofertar serviços na região Noroeste para 115 cidades num espaço de 23 mil metros quadrados.

Da Redação ADI-PR Curitiba

Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.